Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

7

Série: Dexter


-->

  
Título Original: Dexter
Ano de estreia: 2006
Género: Drama, Suspense
Criador: James Manos
Temporadas: 4 (a 5ª temporada vai estrear este ano)

-->

Já todos devem ter ouvido falar de Dexter, a série que nos faz a todos gostar de um serial killer, por mais incrível que isso possa parecer.

A série apresenta-nos Dexter Morgan, um analista forense que esconde um pequeno segredo: é um psicopata que nas horas livres se diverte a matar criminosos. A fórmula é muito simples: quando o seu pai, um agente da polícia, descobre que Dexter, ainda criança, é um psicopata, decide usar isso a favor da justiça. Assim, ensina a Dexter um rigoroso código de conduta que lhe permite canalizar a sua vontade de matar apenas para os criminosos sem nunca ser descoberto.

Tudo parece correr de feição até que surge em cena um serial killer que, para além de conseguir estar sempre um passo à frente do departamento de polícia de Miami (onde Dexter trabalha), parece conhecer o pequeno segredo que o protagonista esconde…  

Mas isto é apenas o início de uma série incrível que, ao longo de 4 temporadas, nos apresenta Dexter Morgan e os dilemas e peripécias com que este se confronta.


Pessoalmente adoramos esta série: muito mistério, humor q.b., diálogos muito bem construídos e uma história muitíssimo interessante. É incrível a forma como James Manos consegue mostrar-nos a mente de um assassino (sendo muito fiel ao quadro de psicopatia - palavra de semi-especialistas!! ;) ) de uma forma cativante e surpreendente. Sem esquecer ainda a incrível interpretação de  Michael C. Hall (Dexter) que ganhou com todo o mérito o globo de ouro para melhor actor de série dramática na última edição.
 É mesmo caso para dizer que nos rendemos a este grande assassino - Dexter. 

Trailer
PS: Não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO ;)

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

3

Evento: BAFTA Awards

Aqui listamos os vencedores da noite dos BAFTA Awards...dêm a vossa opinião e não se esqueças de participar no nosso passatempo...


Melhor filme: 'The Hurt Locker' (enfim...)
Actor principal: Colin Firth, 'A Single Man' (YES!)
Actriz principal: Carey Mulligan, 'An Education'
Actor secundário: Christoph Waltz, 'Inglourious Basterds' (Aprovado...ehehe)
Actriz secundária: Mo'Nique, 'Precious'
Realizador: Kathryn Bigelow, 'The Hurt Locker'

Argumento original: Mark Boal, 'The Hurt Locker'
Argumento adaptado: Jason Reitman e Sheldon Turner, 'Up in the Air'

Filme em língua estrangeira: 'A Prophet'
Filme animado: 'Up' :)
Melhor filme britânico: 'Fish Tank'
Melhor realizador, Guionista ou produtor britânico estreante: Duncan Jones, 'Moon'

Música: Michael Giacchino, 'Up'
Cinematografia: 'The Hurt Locker'
Edição: 'The Hurt Locker'
Design de Produção: 'Avatar'
Guarda-roupa: 'The Young Victoria'
Sonoplastia: 'The Hurt Locker'
Efeitos especiais: 'Avatar'
Caracterização: 'The Young Victoria'
Curta-metragem de animação: 'Mother of Many'
Curta-metragem: 'I Do Air'


Prémio Orange estrela em ascensão (votado pelo público): Kristen Stewart
Prémio Carreira: Vanessa Redgrave
Melhor contribuição para o cinema: Joe Dunton


 Aqui vos deixamos algumas fotos...have fun!

 
  
  


4

Filme: The Hurt Locker







 
You'll know when you're in it

Ano: 2009
Realizador: Kathryn Bigelow (curiosidade: é a ex-mulher de James Cameron!)
Data de lançamento em Portugal: 17 Setembro2009
Género: Drama, Acção, Guerra, Thriller

A semana dos Óscares está cada vez mais perto e é nossa intenção dar-vos o maior número de reviews que conseguirmos (o que está a ser um pouco complicado...o trabalho aperta), mas lá vamos tentando...(para não falar do dinheiro que se gasta no cinema...)
A tarefa complica-se ainda mais quando os filmes são uma grande...digamos...SECA (termo técnico)! Sim, senhoras e senhores, finalmente um filme que NÃO recomendamos a ninguém e que esperamos, vivamente, não venha a ganhar nenhum óscar (ou seria uma tremenda injustiça).
Com isto, surge uma outra pergunta: o que é que se passa com os críticos que dizem maravilhas do filme? De facto, Hurt Locker é um dos grandes concorrentes a ganhar a estatuinha de ouro... Ou andam ceguinhos, ou então querem ajudar a ex-mulher do James Cameron a fazer-lhe uma desfeita! (Vá...estamos a ser mázinhas...coitados dos senhores têm direito à sua opinião).

Vá...já chega de falar mal do filme...se estão mesmo interessados, vejam os últimos 15 minutos...é suficiente (e a unica coisa que se safa)...bolas, foi inevitável voltar a falar mal!
Foi sem dúvida uma grande desilusão de filme, super cliché e com um protagonista deveras irritante que, não só se diverte a colocar a sua vida em risco, como a dos seus colegas mas, como é um "herói", não lhe acontece nada e é idolatrado por todos (onde é que já vimos isto? hum....) Uma vez que era um filme que pretendia demonstrar o que se passa no Iraque (de forma realista), colocar um protagonista que não segue as regras e quebra protocolos, não nos pareceu ter sido a melhor ideia! Por outro lado, acabam apenas por ver o lado bom da presença dos americanos em combate (novamente perguntamos, não era suposto ser um filme realista?)
É um filme muito longo que se fosse APENAS composto pelos últimos 10 minutos do filme, talvez desse uma boa e suportável curta metragem!
Ponto forte do filme: o querer demonstrar o que se passa em combate de uma forma realista (tirando as partes de heroísmo idiotas do protagonista).

História: durante o filme acompanhamos uma brigada de anti-bombas no Iraque! E...é só! 
Uma óptima semana a todos! Bons FLAMES! :)

PS. Deveria haver a possibilidade de o dinheiro, no cinema, nos ser devolvido caso o filme não nos agrade, não acham? Inventem lá um detector de desagrado 100% fiável que o pessoal anda cansado de pagar tanto por um filme!

Trailer


AH, e não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO para ganhares o DVD The Queen vencedor de óscar de melhor actriz em 2006...PARTICIPA 

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

12

Livros: Crónicas de Allaryia

Colecção: Crónicas de Allaryia
Autor: Filipe Faria
Volumes: 7 (o sétimo e último volume ainda não foi publicado)
Títulos Publicados: A Manopla de Karasthan (2002); Os Filhos do Flagelo (2002); Marés negras (2003); A Essência da Lâmina (2005); Vagas de Fogo (2007); O Fado da Sombra (2009)

Desta vez não falamos apenas de um livro, mas sim de um conjunto de volumes que receberam o nome de Crónicas de Allaryia.

Filipe Faria, um dos mais proeminentes jovens escritores portugueses, iniciou-se no mundo da escrita com estas crónicas, longe de imaginar a excelente aceitação que a sua obra teria junto dos leitores e os prémios que receberia. Com uma escrita do género fantasia épica, lembrando Tolkien num estilo ainda mais arrojado, apresenta-nos uma colecção de livros onde a acção, humor, suspense e romance estão presentes numa escrita simplesmente extraordinária.
Em as Crónicas de Allaryia, acompanhamos Aewyre Thoryn (o mais novo dos dois filhos do rei Aezrel Thoryn) e os seus companheiros em busca do pai de Aewyre, há muitos anos desaparecido em Asmodeon enquanto combatia as forças do mal. Contudo, a sua jornada vai ser tudo menos pacífica já que, ao longo dos diferentes volumes, os corajosos companheiros defrontam-se com todo o tipo de peripécias, criaturas, dificuldades e imprevistos. E quando o leitor se dá conta, encontrar o rei Aezrel será apenas uma das muitas missões deste grupo já que novos mistérios começam a surgir dando origem a uma complexa história de segredos, revelações e surpresas.



Na nossa opinião, esta é, sem dúvida, uma história intrigante, que agradará a todos os amantes de high fantasy (e não só, já que muitos admitiram ter sido positivamente surpreendidos pela qualidade desta história tornando-se, assim, fãs deste tipo de leitura). Vai prender-vos da primeira à última página fazendo-vos vibrar com todas as emoções e aventuras que Filipe Faria magistralmente conseguiu passar para a sua mais conceituada obra até ao momento.

É mesmo uma leitura a não perder!!

 
 
 
 
 
 
PS: Não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO ;)

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

10

Filme: Coraline

 Be careful what you wish for

Ano: 2009
Director: Henry Selick
Género: Animação, Fantasia, Aventura 
Data de estreia em Portugal: 19 Fevereiro 2009 
Nomeado para os óscares: Animated Feature Film

Este é daqueles filmes que veríamos mesmo sem termos a "desculpa" dos óscares...mas foi, sem dúvida, uma grande surpresa. Não estavamos nada à espera do que vimos! De referir no entanto que este NÃO nos parece ser um desenho animado indicado para crianças porque, apesar de ser uma história simples, pode ser assustadora e, por outro lado, muito ficará por se entender se visto pelo público mais jovem! O filme tem também uma versão 3D que parece ter sido bem usado (talvez esteja melhor do que em Avatar) e os efeitos e cores escolhidos transformaram este filme num dos que, visualmente, melhor se apresenta. Acreditamos que seria um forte candidato a vencer os óscares se não tivesse de competir com o fantástico Up (o post deste filme estará para breve).

Coraline foi baseado no livro infantil de Neil Gaiman. A história? Não poderia ser mais inteligente: Coraline (e não Caroline - pequena piadinha para quem viu o filme - ehehe) encontra, na sua nova casa, uma porta secreta. Ao atravessá-la descobre um outro mundo onde tudo é perfeito, incluindo os seus pais mas tudo se complica quando Coraline terá de escolher entre a sua verdadeira vida e a vida no "mundo perfeito". Para a ajudar na sua decisão encontram-se um gato falante, o seu amigo (que perdeu a fala) e as diversas circunstâncias e eventos que Coraline, com coragem e determinação, vai descobrindo ao longo do filme.

Apesar de, originalmente, ser uma história para crianças, acreditamos que é muito mais "visível" e melhor entendida por adultos e, é claro, recomendamos vivamente a todos que o vejam porque é muito emocionante, deixa-nos muitas vezes sem fôlego e sem perceber o que poderá acontecer depois (o que não é uma característica dos filmes de animação que, em geral, são dotados de muita mais previsibilidade).

Trailer






PS: Não te esqueçs de participar no nosso PASSATEMPO ;)

sábado, 13 de fevereiro de 2010

3

Livro: Mistério em Connellsville


Hoje vamos fazer algo que nunca fizemos – vamos falar de um livro sem o termos lido (problema que será em breve resolvido pois com certeza vamos lê-lo e postaremos aqui a nossa opinião, fica prometido).

O livro que vos queremos apresentar tem por título “Mistério em Connellsville”. Para nós é um prazer publicitar um jovem talento português do mundo da escrita. Acreditamos que esta obra será a primeira de muitas e que não faltará muito para todos conhecerem este nome, Beatriz Neves Barroca.

Aqui deixamos a informação retirada do blog da autora, não se esqueçam de visitá-lo (http://misterioemconnellsville.blogspot.com/):

Título: Mistério em Connellsville
Autor: Beatriz Neves Barroca
Editora: Papiro

Biografia do Autor: Maria Beatriz Afonso Neves Barroca nasceu no dia 7 de Maio de 1993, na cidade da Guarda. Actualmente reside em Tomar e estuda no 11º ano do curso de Línguas e Humanidades na Escola Secundária com 3º ciclo de Santa Maria do Olival. Desde cedo, a leitura e escrita foram companheiros inseparáveis nos seus tempos livres. O sonho de escrever um livro vinha de longe e pôde concretizar-se agora. Para além da leitura e da escrita, a música, o cinema e o teatro são outras das suas paixões. Mistério em Connellsville, escrito durante o Verão de 2009, surge em parte pelo fascínio que a autora sente pela atmosfera enigmática daquela zona dos Estados Unidos da América.
Editora: Papiro Editora

Sinopse: "Acordei agitada e minutos depois o despertador tocou. Tinha tido um pesadelo. Sonhei que estava na escola vazia e que um homem encapuzado levava uma rapariga. Eu via-os mas eles não me viam a mim. Era como se fosse um filme. "Andas demasiado envolvida neste assunto..." pensei, censurando-me. (...) Esboçámos um aceno e fomos para o carro. Abri a porta e sentei-me no banco. Estremeci e a memória do sonho dessa noite assaltou-me com um flash."

Preço: 11€

Procurem pelo livro nas livrarias ou visitem o site: https://www.buknet.pt/

Boas leituras!!

PS: Não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO  ;)

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

7

Filme: Sacanas sem lei


Título Original: Inglourious Basterds
Ano: 2009
Género: Drama, Guerra, Thriller
Direcção: Quentin Tarantino

Com os Óscares à porta seria impossível não falarmos de Inglourious Basterds, ou não estivesse ele nomeado para 8 estatuetas douradas, incluindo a de melhor filme.

A história passa-se durante a 2ª Guerra Mundial, numa França ocupada pelos soldados nazis que espalham o terror entre os judeus. Contudo, a história muda de figura quando um grupo de soldados americanos judeus, conhecidos como The Basterds, liderado por Lieutenant Aldo Raine decide divertir-se à custa dos soldados nazis. Assim, dão início a uma caça aos nazis, mais precisamente, a uma caça aos escalpes dos nazis (sim, já devem ter percebido que, bem ao estilo de Tarantino, o filme tem cenas de violência com muito sangue à mistura). Não é preciso muito tempo até que The Basterds ganhem fama entre as tropas nazis e comecem a ser temidos por estas.

Entretanto, entre todo o sangue e confusão que o grupo de soldados americanos espalha pelo país, Shosanna Dreyfus, uma judia que sobreviveu à perseguição dos soldados alemães, adopta um novo nome, Emmanuelle Mimieux, e decide recomeçar a sua vida em Paris como directora de uma sala de cinema. Contudo, não resiste à tentação quando esta se lhe apresenta sob a forma de um soldado alemão por si apaixonado e Emmanuelle percebe que tem a oportunidade de vingar a sua família e todos os judeus ao oferecer a sua sala de cinema para que nela seja estreado o filme “Nation’s Pride”. Não haveria nada de especial em relação à estreia se não fosse o simples facto de as mais altas patentes do exército alemão estarem presentes incluindo o próprio Adolf Hitler. Assim, Emmanuelle decide transformar a sua sala de cinema numa verdadeira armadilha, sem saber que The Basterds também não querem deixar passar a oportunidade de tornar esta estreia…verdadeiramente explosiva.

Na nossa opinião, Inglourious Basterds dá-nos a oportunidade de nos "vingarmos" um bocadinho por tudo aquilo que os soldados nazis fizeram ao mesmo tempo que ficamos a conhecer um pouco melhor como as perseguições daquela altura eram realizadas e como é que as vítimas viviam todo o processo num clima de autêntico medo e terror.
Contudo, apesar da brilhante interpretação de Christoph Waltz, nomeado para o Óscar de melhor actor secundário, achamos que o filme não justifica uma ida ao cinema já que acaba por ser um filme algo cansativo (cenas longuíssimas com diálogos desnecessários) que “corre uma maratona” para chegar aos momentos que realmente interessam quando podia perfeitamente ter optado pelos “200 metros”.
No entanto, não deixa de ser um filme interessante para quem aprecia o trabalho de Tarantino e gosta de ver filmes que primam pela "estranha" originalidade a que este reconhecido director de cinema nos habituou.

Trailer


PS: Não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO ;)

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

18

Filme: District 9


Director: Neill Bloomkamp
Data de Lançamento em Portugal: 24 Setembro 2009
Género: Acção, Drama, Ficção Científica, Thriller
Duração: 112 minutos

NOMEADO PARA 4 ÓSCARES (8 outros prémios ganhos e 27 outras nomeações)

Actores: Sharlto Copley - Wikus Van De Merwe
Jason Cope - Grey Bradnam - UKNR Chief Correspondent
Nathalie Boltt - Sarah Livingstone - Sociologist
Sylvaine Strike - Dr Katrina McKenzie
Elizabeth Mkandawie - Interviewee
John Sumner - Les Feldman - MIL Engineer
William Allen Young - Dirk Michaels

YOU ARE NOT WELCOME HERE!

Nunca teríamos visto este filme se não fosse pelo facto de estar nomeado para os óscares e...ainda bem que o fizemos... valeu mesmo muito a pena. É muito giro o facto de ser um género que não nos apela muito e de nos ter cativado tanto. Achamos que a história é SUPER original e, se houvesse um ÓSCAR para o filme mais ORIGINAL District 9 merece-lo-ía sem dúvida.

Inicialmente o filme está gravado para nos dar a sensação que se trata mais de um documentário, o que é extremamente interessante. Na África do Sul, uma nave extraterrestre aparece. Todos os habitantes da nave são então colocados no District 9 que, rapidamente, se tranforma numa espécie de gheto onde vivem em péssimas condições. Para controlá-los, foi criada a Multi-National Unites (MNU). Mas, o verdadeiro interesse dos humanos nos extraterrestres centra-se nas suas armas, apenas controladas pelo ADN extraterrestre. A parte mais interessante do filme acontece quando Wikus van der Merwe, com outras pessoas a seu comando, se preparam para pedir autorização aos alienígenas para que estes sejam tranportados para um outro local.

O que mais nos agradou neste filme foi o facto de, apesar de se tratar de um filme de ficção científica, se acontecessem as coisas que acontecem no filme, facilmente nos apercebemos de como o comportamento humano seria, exactamente, o que é retratado no filme, e este é um dos grandes pontos fortes de District 9. Acreditamos que é, sem dúvida um filme A NÃO PERDER, ao mesmo tempo que alertamos para algumas cenas de violência e sangue que podem ser demasiado fortes para algumas pessoas.

AQUI vos deixamos o TRAILER! Enjoy! 





PS- Não te esqueças de participar no nosso PASSATEMPO ;)

domingo, 7 de fevereiro de 2010

8

PASSATEMPO: 1 MÊS


O FLAMES faz hoje 1 MÊS! Para festejar esta data decidimos abrir este passatempo. O prémio será o filme: THE QUEEN de 2006 que conta com a fantástica participação da actriz Helen Mirren. O filme recebeu um Óscar de melhor actriz e mais 5 nomeações para os Óscares. Ao todo o filme ganhou 58 prémios e recebeu 51 nomeações.

Para te habilitares a ganhar este FANTÁSTICO filme, só terás de fazer o seguinte:

1) Deixar-nos um comentário neste post a informar-nos da tua intenção de participar no passatempo (por favor, identifica-te para que saibamos quem és)

2) Colocar a foto de cima (o nosso “logo”) do FLAMES no teu blog, num post onde fales do nosso passatempo e/ou do nosso blog, para que mais pessoas possam participar (se não tens blog basta que deixes o teu comentário) pelo que é necessário que coloquem o link do nosso blog para que outras pessoas venham aqui.


Atenção: Só serão tomadas em consideração as participações que sigam as instruções dadas acima. O vencedor será contactado por nós para depois enviarmos o DVD para casa.

Têm até ao dia 14 de Março para participar. No dia 14 faremos o sorteio e segunda dia 15 sairão os resultados!

Como vês é, muito fácil participar. Então, deixa o teu comentário e PARTICIPA! Não tens nada a perder! E fica atento, pois no nosso blog vão haver muitos mais passatempos!

NOTA: Uma vez que já nos foi questionado, queríamos avisar que o DVD é ORIGINAL (não se trata de nenhuma cópia nem de um link para um download) e  que vos será enviado de forma gratuita, nem terão de pagar portes de envio :)

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

7

Livro: O sol cai no Tibete




Título Original: Sky Burial
Autora: Xinran
Ano: 2004
Páginas: 203

Decidimos falar deste livro pois, apesar de não ser muito conhecido, trata-se de uma obra muito, mas mesmo muito interessante.

A autora, Xinran, ouviu aos cinco anos de idade no seu país natal, China, a lenda de um soldado que tinha desaparecido no Tibete sob condições misteriosas. Longe estava ela de imaginar que, muitos anos mais tarde, conheceria a mulher desse soldado e que, ao longo de dois dias, iria escutar na primeira pessoa um relato fantástico da busca dessa mulher pelo seu marido. Foi dessa conversa que resultou o livro "O sol cai no Tibete".

Nesta obra, é-nos apresentada uma história verídica que relata a vida de uma jovem de 26 anos chinesa: Shu Wen.
A história começa em 1950, na China quando Shu Wen e o seu marido, Kejun, têm que se separar quando este parte para o Tibete para servir como médico do Exército Popular de Libertação. Contudo, passados 2 meses, Shu Wen recebe uma carta a dizer que Kejun tinha desaparecido em acção. O que qualquer mulher chinesa nessa altura faria era chorar a perda do seu marido e retomar a sua vida. Mas Shu Wen não é uma mulher qualquer e, por isso, decide viajar para o Tibete a fim de descobrir o que aconteceu ao seu marido. Longe está ela de imaginar que no Tibete lhe aguardam décadas de sofrimento e desespero num país inóspito e completamente desconhecido. Contudo, após 30 anos de incessantes buscas e peripécias, Shu Wen finalmente descobre o que aconteceu ao seu marido…

Este é um excelente livro que nos permite conhecer os costumes, crenças e tradições do povo Tibetano e, acima de tudo, conhecer uma história de tremenda coragem, amor e determinação.


PS: Já leste este livro? Gostaste? Ficaste curioso? Dá-nos a tua opinião...

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

9

Evento: Óscares 2010 - Nomeados

E é assim. Mais um ano passou, recheado de fantásticos filmes e interpretações. Por isso mesmo, a cerimónia dos óscares aproxima-se perante a expectativa de milhões de pessoas em todo o mundo.
Os nomeados já são conhecidos, agora falta esperar para saber quem vai levar as cobiçadas estatuetas para casa.
Na nossa humilde opinião, "Avatar" poderá ser o grande vencedor da noite, enquanto "Inglourious Basterds" poderá saír de "mãos a abanar" (tendo em conta os resultados dos globos de ouro, muitas vezes um bom prognóstico do que se passa na cerimónia dos óscares). Quanto a "Up", poderá revelar-se uma verdadeira surpresa...mas temos mesmo é que esperar pelo dia 7 de Março para ver...


Aqui estão algumas das principais categorias e respectivos nomeados:

Actor in a Leading Role:
Jeff Bridges in “Crazy Heart”
George Clooney in “Up in the Air”
Colin Firth in “A Single Man”
Morgan Freeman in “Invictus”
Jeremy Renner in “The Hurt Locker

Actor in a Supporting Role:
Matt Damon in “Invictus”
Woody Harrelson in “The Messenger”
Christopher Plummer in “The Last Station”
Stanley Tucci in “The Lovely Bones”
Christoph Waltz in “Inglourious Basterds

Actress in a Leading Role:
Sandra Bullock in “The Blind Side”
Helen Mirren in “The Last Station”
Carey Mulligan in “An Education”
Gabourey Sidibe in “Precious: Based on the Novel ‘Push’ by Sapphire”
Meryl Streep in “Julie & Julia

Actress in a Supporting Role:
Penélope Cruz in “Nine”
Vera Farmiga in “Up in the Air”
Maggie Gyllenhaal in “Crazy Heart”
Anna Kendrick in “Up in the Air”
Mo’Nique in “Precious: Based on the Novel ‘Push’ by Sapphire”

Animated Feature Film:
Coraline” Henry Selick
“Fantastic Mr. Fox” Wes Anderson
“The Princess and the Frog” John Musker and Ron Clements
“The Secret of Kells” Tomm Moore
Up” Pete Docter

Directing:
Avatar” James Cameron
The Hurt Locker” Kathryn Bigelow
Inglourious Basterds” Quentin Tarantino
“Precious: Based on the Novel ‘Push’ by Sapphire” Lee Daniels
“Up in the Air” Jason Reitman

Music (Original Score):
Avatar” James Horner
“Fantastic Mr. Fox” Alexandre Desplat
The Hurt Locker” Marco Beltrami and Buck Sanders
“Sherlock Holmes” Hans Zimmer
Up” Michael Giacchino

Best Picture:
Avatar” James Cameron and Jon Landau, Producers
“The Blind Side” Nominees to be determined
District 9” Peter Jackson and Carolynne Cunningham, Producers
“An Education” Finola Dwyer and Amanda Posey, Producers
The Hurt Locker” Nominees to be determined
Inglourious Basterds” Lawrence Bender, Producer
“Precious: Based on the Novel ‘Push’ by Sapphire” Lee Daniels, Sarah Siegel-Magness and Gary Magness, Producers
A Serious Man” Joel Coen and Ethan Coen, Producers
Up” Jonas Rivera, Producer
“Up in the Air” Daniel Dubiecki, Ivan Reitman and Jason Reitman, Producers

Visual Effects:
Avatar” Joe Letteri, Stephen Rosenbaum, Richard Baneham and Andrew R. Jones
District 9” Dan Kaufman, Peter Muyzers, Robert Habros and Matt Aitken
“Star Trek” Roger Guyett, Russell Earl, Paul Kavanagh and Burt Dalton

Writing (Adapted Screenplay):
District 9” Written by Neill Blomkamp and Terri Tatchell
“An Education” Screenplay by Nick Hornby
“In the Loop” Screenplay by Jesse Armstrong, Simon Blackwell, Armando Iannucci, Tony Roche
“Precious: Based on the Novel ‘Push’ by Sapphire” Screenplay by Geoffrey Fletcher
“Up in the Air” Screenplay by Jason Reitman and Sheldon Turner

Writing (Original Screenplay):
The Hurt Locker” Written by Mark Boal
Inglourious Basterds” Written by Quentin Tarantino
“The Messenger” Written by Alessandro Camon & Oren Moverman
A Serious Man” Written by Joel Coen & Ethan Coen
Up” Screenplay by Bob Peterson, Pete Docter, Story by Pete Docter, Bob Peterson, Tom McCarthy

Para veres a lista completa das categorias consulta o site oficial:  http://www.oscars.org/

Agora queremos saber as vossas apostas, quem acham que vai ganhar??

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

5

Filme: O retrato de Dorian Gray


 Forever Young. Forever Cursed.

Título Original: Dorian Gray
Ano: 2009
Director: Oliver Parker
Data de lançamento em Portugal: 31 Dezembro 2009
Género: Drama

Actores:
Colin Firth - Lord Henry Wotton
Ben Barnes - Dorian Gray
Rachel Hurd-Wood - Sybil Vane
Rebecca Hall - Emily Wotton
Emilia Fox - Lady Victoria Wotton
Ben Chaplin - Basil Hallward

Preparem-se porque existe duas palavras que são a chave para vos motivar para ir ver o filme...aqui vão elas: Colin Firth. Não estão motivados? Bem, foi por ele que decidimos ir ver o filme! E....valeu a pena! Mais uma vez Colin Firth delicia-nos com a sua fantástica performance enquanto o jovem actor  Ben Barnes nos prova que as suas capacidades de representar são grandes.
O filme tenta colocar em tela o romance de Oscar Wilde. Em comparação com o livro gostaria de referir que o filme tem muitas cenas de sexo (proibidas na altura da publicação do livro) e que são um pouco desnecessárias.
Para vos aguçar um pouco o apetite, cá vai um pouco da história: Dorian Gray é um jovem do século XIX que, pela sua beleza, passa a modelo para um retrato de uma pintura do artista Basil Hallward que coloca grande empenho e esforço na concepção do quadro. Na história encontramos também Lord Henry Wotton, uma cínico aristocrata que procura incessantemente os grandes prazeres da vida e que os ensina a Dorian que fica seduzido pelo mundo que Lord Henry lhe apresenta. Para lhe facilitar as coisas Dorian NUNCA envelhece...não? Porquê? E o que sente Dorian sobre isso? E o que pensam as pessoas que com ele "envelhecem"?

Este é um filme dramático com imagens e paisagens bonitas e que lembra um pouco o filme Perfume (pelo menos veio-nos à cabeça esse filme enquanto víamos este) e é sem dúvida mais atractivo que o filme de 1945.
Aqui vai o trailer enjoy...



Já viram o filme? Ou leram o livro? Estão a pensar ver? Dêem-nos a vossa opinião!
Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%