Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 8 de Agosto de 2013

6

Entretenimento: O Lago dos Tubarões




Título Original: Shark Tank
Ano de Estreia: 2009
Temporadas: 5
Criador: Nathaniel Howe

 
Em tempos como os de agora há que ser inventivos e arranjar formas originais de escapar às garras da mal-fadada crise económica.
Foi isso mesmo que o criador Nathaniel Howe decidiu fazer em 2009 nos E.U.A. , quando o país atravessava uma dura crise, criando o programa televisivo "O Lago dos Tubarões".
 
 
O conceito é muito simples: simples cidadãos, com uma ideia de negócio, a seu ver inovadora, arriscam-se a entrar no lago dos tubarões e apresentar a sua ideia com esperança de que um ou mais tubarões decidam investir nela e, assim, o negócio seja capultado para um sucesso quase garantido. Mas quem são os tubarões? Nada mais nada menos do que 5 milionários (Robert Herjavec, Kevin O'Leary, Barbara Corcoran, Daymond John e Kevin Harrington) que têm em comum uma coisa: todos eles subiram a pulso numa sociedade altamente competitiva e conquistaram os seus impérios à custa de muito suor, sábias decisões e alguma sorte.
Estão os dados lançados...  a carnificina pode começar! Se é verdade que alguns participantes são humilhados pela fraca qualidade das suas ideias, outros há que conseguem ter todos os tubarões a lutar entre si para conseguirem investir no seu modelo de negócio inovador!
 
 
Se é verdade que este programa poderia ser interessante em qualquer altura, a actual conjectura económica do nosso país leva-nos a acreditar que, mais do que nunca, "O Lago dos Tubarões" pode ser uma verdadeira escola para os milhares de portugueses que se encontram desesperados por uma oportunidade para alcançar o sucesso. Neste programa, a cada episódio, somos confrontados com más ideias, que poderão servir de alerta para nós, e conselhos dos tubarões sobre o que não deve ser feito no mundo dos negócios; mas também ficamos a conhecer ideias verdadeiramente inovadoras e com um grande potencial de sucesso que poderão servir de inspiração ao telespectador em casa que não sabe muito bem qual o rumo a seguir com a sua vida.
Por isso, aqui fica o conselho: em vez de se lamentar tanto e baixar os braços, faça, entre outras coisas, questão de acompanhar este programa que poderá, quando menos esperar, originar o tão ambicionado "clique" na sua cabeça e torná-lo num empresário de sucesso!

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

6 comentários:

  1. Adoro ver, é de facto incrível ver como com ideias que as vezes podem parecer estapafúrdias, se conseguem ganhar belos milhões :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também pensamos muitas vezes nisso: há algumas ideias que nos parecem uma autêntica anedota mas para os Tubarões são negócios de sucesso! Por isso mesmo é que este programa nos deixa sempre na expectativa e nunca nos cansa. Estamos sempre: qual será a próxima ideia? Será algo brilhante ou ridículo? Que Tubarão vai apostar nela?
      Este é mesmo dos nossos programas televisivos preferidos ultimamente!

      Eliminar
  2. Sabem quando resolvemos ver o que está dar nos canais do costume, mesmo antes de irmos dormir, e nos deparamos com um programa qualquer que não nos prende exatamente mas queremos ver o que vai acontecer a seguir? (eu espero mesmo que isto não aconteça só comigo :P). Pronto, acontece-me sempre isso com "O Lago dos Tubarões" e, das duas uma, ou fico a pensar "como é que eu não me lembrei disto antes?" ou "onde é que esta gente tinha a cabeça?".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também pensamos muitas vezes nisso: porque não me lembrei disto antes? Podíamos ser milionárias neste momento! Mas quem sabe se não podemos mesmo usar alguma daquelas ideias como inspiração para fazer algo em Portugal?! Não é completamente impossível... precisamos é de uns Tubarões que nos financiem... coff coff

      Eliminar
  3. Eu to precisando de investidores...alguem que entre com capital e invista na minha ideia...email de contato deise_blessed@hotmail.com

    ResponderEliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Partilha no teu FACEBOOK ou Tweet