Envie esta página a um amigo!

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

0

Entretenimento: Primeiras Impressões sobre o álbum "Born In the Echoes" dos The Chemical Brothers



Já tinha ouvido falar em "The Chemical Brothers", muito fruto do burburinho que surge sempre que a dupla britânica vem a Portugal. Contudo, não posso dizer que conhecesse o seu reportório. Por isso mesmo, o álbum "Born in the Echoes" teve uma função dupla: apresentar-me um novo disco mas, acima de tudo, apresentar-me uma banda que há muito tem feito sucesso entre os fãs de música electrónica.




Logo no primeiro tema, "Sometimes I Feel So Deserted" fica bem sublinhado o tom do disco e aquilo de que os fãs poderão estar à espera: batidas alternativas que dão origem a um ritmo constante e energético.
Muitos dos temas são completados com participações vocais de diferentes cantores e o álbum transpira Verão.
O meu tema favorito é, sem margem para dúvidas, a música "Radiate" que, e arriscando-me a soar algo estranha, me parece um tema saído de uma banda sonora de um qualquer filme num daqueles momentos em que o protagonista atinge o seu objectivo e tudo termina de uma forma grandiosa. Estranho, eu sei...
Contudo, outro tema se destacou no álbum; falo da música "EML Ritual" que me chamou a atenção pelo simples facto de parecer hipnótica. Tem uma sonoridade completamente diferente de tudo o que já ouvi e por isso mesmo chamou "captou o meu radar".


Não tendo por hábito ouvir música electrónica, entendo o porquê de mover multidões. Aqui o que interessa não são as palavras proferidas, mas sim as batidas criadas, o ritmo escolhido que mexem com algo cá dentro e nos transportam para uma outra dimensão.
Se há estação do ano adequada para ouvir um álbum como o "Born In The Echoes" é sem dúvida o Verão, quando o calor e os dias mais longos convidam a músicas mais animadas e intensas.

Para mim, as 3 palavras que melhor descrevem este álbum são:
 
 
Enérgico
Vibrante
Intenso


Por Mariana Oliveira

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

0 Opiniões:

Enviar um comentário

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%