Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 25 de abril de 2013

1

Livro: Livrolândia- A terra dos livros


 

Ano de Edição: 2011
Género: Aventura
Autor: Rui Carreto
Editora: Coisas de Ler


Todos os anos, milhares de livros são editados em todo o mundo. Contudo, cada vez mais nos parece difícil encontrar histórias verdadeiramente originais e diferentes de tudo aquilo que se escreveu até à data. Por isso mesmo, "Livrolândia - A terra dos livros" foi uma autêntica lufada de ar fresco; um livro completamente diferente de tudo aquilo que alguma vez lemos.  
 
 
A história começa numa Livropólis, uma cidade de livros que durante o dia não passa de uma simples biblioteca. Contudo, quando a meia-noite chega, eis que uma névoa branca surge do chão e transforma este local, composto por simples prateleiras repletas de livros, numa cidade cujos habitantes são os livros que, como se de magia se tratasse, ganham pernas e braços, tomam consciência da sua existência e vivem as suas vidas tal e qual como no mundo dos humanos.
No entanto, os últimos anos têm vindo a tornar-se cada vez mais difíceis pois, durante o dia dos "Olheiros" (os humanos), estes cada vez menos visitam a biblioteca para ler os livros e, assim, dar-lhes a energia necessária para que estes se possam manter saudáveis.
Desta forma, durante a noite, os habitantes da Livropólis começam a recear pelo seu futuro, já que muitos deles estão a ficar seriamente doentes tal a ausência de "Olheiros" se faz notar.
E é neste ambiente de grande consternação e medo que quatro livros amigos, "O Principezinho", "Alice no País das Maravilhas", "Fernão Capelo Gaivota" e "Papalagui" decidem planear uma fuga em busca de um lugar no qual possam ser lidos e, assim, ter a saúde e vitalidade que há muito lhes escapa. E haverá melhor local para o qual fugir do que a "Livrolândia"? Uma terra encantada, onde nenhum livro se tem de preocupar em ser lido pois o "Olho Primordial" se encarrega de lhes transmitir a energia necessária a uma vida saudável. Um verdadeiro paraíso onde todos os livros são imortais e onde não há lugar para tristezas e problemas.
Mas será que a "Livrolândia" realmente existe? Ou será apenas um mito que ao longo de décadas tem passado de livro para livro? É isso mesmo que os quatro amigos descobrirão naquela que será a maior aventura das suas vidas...
 
 
Esta história é genuinamente encantadora e mágica: ao ser transportado para este "mundo" dos livros, o leitor como que entra num universo diferente, onde não se "dizem coisas" mas antes se "escrevem coisas"; onde a comida são "flocos de tinta" e se bebe "chá de lapiseira"; um local onde os "livros de medicina" tratam dos doentes e onde "os policiais" e "livros das leis" representam a autoridade.
 
Contudo, aquilo que poderá parecer, à primeira vista, um livro de conteúdo "leve" e simples, fruto da escrita clara e directa do autor Rui Carreto e deste universo de fantasia por ele criado, acaba por ser um livro com uma história muito mais profunda e complexa do que aquilo que as primeiras páginas deixam antever. Se é verdade que este livro se adequa a um público mais jovem por todo este universo criado, não é menos verdade que a população adulta poderá perceber nele mensagens que o autor transmitiu, de uma forma deliberada, e que, na nossa opinião, são aquilo que torna a "Livrolândia - A terra dos livros" numa  história verdadeiramente interessante e, dizemos mais, importante.
Dentre os vários temas abordados, Rui Carreto faz uma crítica à forma como a leitura parece ter caído cada vez mais em desuso, muito fruto das novas tecnologias que cada vez mais tempo consomem ao ser humano. Mas muito para além disso, o escritor aborda temas como as guerras religiosas, as lutas desenfreadas pelo poder e as suas nefastas consequências, os dogmas, a liberdade, o sentido da vida...entre muitas outras questões.
Por todos estes motivos, aconselhamos vivamente a leitura desta história que se destaca pela sua originalidade e profundidade latente. 

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

1 comentário:

  1. Uau...

    Foi mesmo por causa desses temas que criei o meu projecto "Vamos doar livros à nossa biblioteca?"

    Este livro existia e só hoje soube da existência dele! É a cara chapada do meu projecto!! <3 <3 <3

    ResponderEliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%