Envie esta página a um amigo!

quarta-feira, 18 de julho de 2018

0

[OPINIÃO] Livro: Laços (Domenico Starnone)



Título: Laços
Autor: Domenico Starnone
Editor: Alfaguara

Um romance magistral sobre as forças subterrâneas do amor.
De um dos mais destacados autores italianos, vencedor dos Prémios Strega, Bridge, Castiglioncello e Comisso.

Eleito um dos melhores livros do ano
The New York Times * Kirkus Reviews * The Sunday Times

SINOPSE

«Aprendemos os dois que, para vivermos juntos, devemos dizer um ao outro muito menos do que aquilo que calamos.»
O amor é um jogo sublime. E uma perigosa armadilha.
Como muitos casamentos, o de Vanda e Aldo foi sendo desgastado pelo tempo, a tensão, o atrito, a rotina, a infidelidade. Mas sobreviveu ileso. Ou talvez não.
Olhando de perto, com atenção, é possível ver as finas fissuras que podem estilhaçar o casamento, como uma pequena jarra que se toca ao de leve e se desfaz em mil pedaços.
O que deixamos para trás quando deixamos alguém? Uma casa, uma família, um passado, uma ideia de futuro?
Quão fortes são os laços que nos unem aos que amamos? E quão livres nos permitem ser?
Domenico Starnone oferece-nos um olhar incisivo e terno sobre o amor, o casamento, a família, o legado que deixamos aos nossos filhos e o lugar que a liberdade individual pode ter no meio de tudo isso. Um romance provocador, intensíssimo e verdadeiro, pela mão de um dos maiores nomes da literatura italiana contemporânea.

Os elogios da crítica:
«Um livro de enorme inteligência e impacto emocional.»
The New York Times

«O relato agudo de um casal em crise. (...) Uma história brilhante e cortante como um pedaço de vidro.»
The Guardian

«Um romance superlativo. A radiografia de um amor que de amor apenas tinha o nome. A escrita brilhante de Starnone é como um tornado.»
Il Giornale

«Um estudo magistral sobre a passagem do tempo.»
National Post

«Delicado e viciante.»
Il Corriere della Sera

«A autópsia complexa e devastadora de uma relação.»
The Times

«Cada detalhe faz sentido, desde o nome do gato da família à forma particular de Aldo atar os sapatos. Laçosé uma joia literária, que se destaca pelas personagens singulares e pela clareza do estilo.»
BBC

«Um dos romancistas mais destacados de Itália, embora menos conhecido. Um pós-modernista ao estilo de Italo Calvino.»
The New York Times

«Um escritor atípico, um lobo solitário que vive a literatura através da experiência pessoal. (...) Sempre original.»
La Stampa

«Uma corajosa anatomia de um casal em crise.»
Il Messaggero

OPINIÃO
(Roberta)

Por vezes há livros que sabemos que temos de ler, porque um autor ou a sinopse nos chama à atenção. Há outros que partimos para a leitura totalmente desprovidos de qualquer ideia, e de repente encontramo-nos totalmente embrenhados numa história que mexe com a nossa cabeça.. uma história que não conseguimos largar. Outras vezes há uma mistura dos dois... 

Assim que recebi este livro soube que tinha de o ler. Primeiro porque qualquer livro da Alfaguara tende a chamar por mim. É como ter um selo/marca de qualidade per se. Mas neste livro houve outras coisas que me impelriam a agarrá-lo. Primeiro o facto de o autor ser italiano (ainda para mais do sul - Nápoles) e eu nunca ter lido nada dele. Depois uma frase que se encontrava na sinopse: "(...) Aprendemos os dois que, para vivermos juntos, devemos dizer um ao outro muito menos do que aquilo que calamos". Ora esta frase tocou-me logo porque não concordo com ela. De todo. Faço parte daquele conjunto de pessoas que prefere levar com uma verdade tão poderosa que é sentida como uma facada real do que lidar com mentiras ou omissões que, momentanea- e ilusoriamente, nos tirem a mente de preocupações. Por isso sabia que teria de ler este livro para conseguir compreender melhor o porquê desta afirmação. Não é por não concordar com uma frase que isso vai comprometer a minha leitura. Aliás, este livro está cheio de personagens que têm acções que eu condeno totalmente, que não compreendo, que não compartilho, e no entanto este tornou-se num dos melhores livros que li nos últimos tempos. Porque para além de uma história ou de personagens com as quais nos conseguimos identificar, uma das melhores coisas que se pode ter é uma experiência de leitura fora do comum. Uma experiência de leitura que nos arrebata e que mexa connosco e com os nossos pensamentos.. que reaviva memórias, que nos permita construir cenários.. enfim... uma história que mexe, literalmente, connosco e nos ajude a soltar a imaginação. E foi isso mesmo que este livro me proporcionou.

Não se deixem enganar, este não é um livro sobre o amor... ou talvez seja um livro sobre o que é o conceito de amor para algumas pessoas, e se assim for só me resta dizer que me parece ser um livro, infelizmente, realista. 

Mas é um livro sobre a vida em casal, um livro sobre casamento, sobre infidelidade, sobre a capacidade de perdoar, sobre crescer e envelhecer, sobre viver a vida e sobre a consequência dos nossos actos. É um livro que se devora... que não nos deixa sossegados ao longo do dia, porque Domenico Starnone conseguiu fazer uma coisa absolutamente fantástica: criou uma história interessante, um enredo giro, com a capacidade de reflexão e uma boa escrita. Aconselho-o vivamente. 

quarta-feira, 11 de julho de 2018

0

[OPINIÃO]: Livro: Pena de viver assim (Luigi Pirandello)



Título: Pena de Viver Assim
Autor: Luigi Pirandello 

SINOPSE

A protagonista, que se torna tema central do conto, é a senhora Leuca, uma mulher abandonada pelo marido durante onze anos. A sua nostalgia e a sua dor são contínuas e fazem com que ela assista ao desenvolvimento da sua própria vida sem ter poder de intervenção. A saudade dos sentidos que a atormenta constrói este conto de grande e trágico humorismo.

OPINIÃO 
(Roberta)

Sempre ouvi falar imenso deste autor. Talvez por ter nascido numa cidade muito pertinho da minha, sempre tive curiosidade de lhe dar uma oportunidade. No entanto o medo fez-me protelar muitas vezes esta tarefa, apesar de eu ter algumas obras do autor, quer em português quer em italiano. Luigi Pirandello é um autor muito querido em Itália tendo ganho o Prémio Nobel da Literatura.

Um dia, numa feira do livro do Porto, encontrei este conto a 3.50€ e achei que era um bom início. No entanto demorei a dar-lhe uma oportunidade. Foi por mero acaso que um dia decidi pegar-lhe, e apesar de ter custado a "entrar" no modo de escrita, acabei por adorar cada segundo de leitura. 

Neste pequeno conto acompanhamos a história de vida (ou melhor, acompanhamos uma parte da história, mas ficamos a saber um pouco mais do seu passado) da senhora Léuca que vive sozinha numa casa desde que o marido a abandonou há 11 anos. Mas quando pegamos no livro encontramos uma senhora que está prestes a mudar a sua vida quando o marido decide voltar. A senhora Léuca vê, então, a sua vida pacata a ser desassossegada pelas visitas do ex-marido que todos querem que volte a reconciliar-se com a mulher e que ela acaba por ir recebendo por ser, na sua ideia, uma pessoa religiosa e que faz o bem. E mais não posso revelar...

Apesar de eu ter estranhado o estilo de escrita inicial (provavelmente ando a ler pouca boa literatura ultimamente) assim que engrenei na história esta tornou-se numa leitura agradável e rápida. Sem dúvida que vou ler os outros livros dele que tenho cá em casa, e aconselho-vos a começar por este. 

sábado, 7 de julho de 2018

sexta-feira, 6 de julho de 2018

0

[DIVULGAÇÃO]: Livro: Nevermoor (Nevermoor 1)



Título: Nevermoor (Nevermoor 1)
O desafio de Morrigan Crow
Autor: Jessica Townsend

NUVEM DE LETRAS, Junho 2018

Uma história de cortar a respiração sobre uma rapariga amaldiçoada que, ao escapar à própria morte, acaba num mundo mágico apenas para ser posta à prova de maneiras jamais imaginadas!

Publicado em mais de 40 países, Nevermoor está a caminho do cinema pelos estúdios da Twentieth Century Fox.

SINOPSE

Morrigan Crow é uma rapariga cheia de vida, muito curiosa e determinada.

E amaldiçoada...

O dia em que veio ao mundo - o dia de Eventide - marcou o início de uma era de azares para os habitantes de Jackalfax. O infortúnio que atrai para todos à sua volta condenou Morrigan e todas as crianças nascidas naquele dia a morrer na noite do seu décimo primeiro aniversário.

Ensombrada por esta maldição e sem qualquer perspetiva de futuro, tenta enfrentar o seu destino com bravura, apesar da indiferença dos pais. Mas, pouco antes de o relógio bater a hora marcada para a sua morte, a nossa heroína ganha uma nova esperança quando conhece Jupiter North, que a resgata do seu destino e a leva para a cidade secreta de Nevermoor, onde poderá ficar a salvo da maldição que a persegue. No entanto, para aí poder permanecer, terá de provar o seu valor e superar alguns desafios com a ajuda de um talento muito especial que insiste não ter.

Vencedor do Waterstones Children's

Book Prize 2018

Bestseller do The New York Times

Livro do ano para a Time Magazine, para a Bookseller e para o Chicago Tribune

Melhor livro infantil de 2017 para a Amazon

Numa incrível e mágica luta contra o tempo, Morrigan enfrentará provações sem fim e terá de usar o seu espírito aventureiro e inquisitivo para escapar ao trágico destino que a aguarda. Mas o pior perigo está à espreita e virá de onde menos espera.

Este é o primeiro livro de Jessica Townsend, aficionada de transportes públicos, cidades antigas, hotéis, Natal, cantores de ópera, Noite das Bruxas, sociedades secretas e gatos gigantes - tendo conseguido incluir todos estes elementos em Nevermoor. Vive na Austrália, mas, ao longo dos últimos dez anos, passou longos períodos em Londres, cidade que desde sempre alimentou a sua imaginação.

"Uma aventura ao estilo de Harry Potter."
Time Magazine

"Os leitores vão ter a sensação de que o Harry Potter cruza caminhos com a Alice no País das Maravilhas."
Kirkus Reviews

"Os fãs de Harry Potter vão adorar este livro, mas Nevermoor tem um encanto muito próprio."
The Observer

"Um enredo pleno de detalhes e originalidade, uma heroína fortíssima e uma história emocionante compõem esta leitura incrivelmente envolvente."
The Guardian

"A versatilidade, a construção de um novo universo, diálogos humorísticos e personagens cheias de cor completam este enredo de aventura e magia - onde se destacam a coragem, a autoconfiança e a esperança."
Publishers Weekly

"Encantador e divertido."
The Sunday Times

"O ponto fulcral desta história reside na forma como Morrigan reconhece o seu próprio valor e se assume como merecedora de atenção e afeto. Uma abordagem sombria, inspiradora e emotiva a uma rapariga que tem uma relação complexa com a magia num mundo altamente sofisticado."
The Bulletin

quarta-feira, 4 de julho de 2018

0

[OPINIÃO]: Livro: A montanha de livros mais alta do mundo (Rocio Bonilla)




Título: A Montanha de Livros Mais Alta do Mundo
Autor: Rocio Bonilla
Editora: Jacarandá
Data 1ª Edição: 07/06/2018
ISBN: 978-989-88-9519-6
Nº de Páginas: 48
Dimensões: 222x299mm


SINOPSE

Lucas estava convencido de que nascera para voar. Olhava para os aviões, tentava inventar asas de todos os tipos, e até pediu para aprender a voar como presente de Natal! Mas nada funcionava…
Um dia, a sua mãe explicou-lhe que havia outras maneiras de realizar o seu sonho e pousou-lhe um livro nas mãos. Nesse mesmo dia, sem perceber, Lucas começou a voar… 
A Montanha de Livros Mais Alta do Mundo é um livro para despertar a imaginação em leitores de qualquer idade, com as ilustrações inconfundíveis de Rocio Bonilla, autora do bestseller "De que cor é um beijinho?"



OPINIÃO 
Roberta Frontini

Quem segue o blogue já percebeu que tenho uma paixão especial por livros infantis. Falo imenso deles no blogue e adoro partilhar e recomendá-los. Por isso mesmo, e por ter lido tantos, acho sempre que é difícil surpreender-me. 

Posso dizer-vos que este é dos livros infantis mais maravilhosos que li nos últimos tempos. Todo ele é absolutamente delicioso: as ilustrações são tão detalhadas, tão singelas (por vezes com um toque humorístico) e tão bonitas que nos prendem e nos fazem perder durante horas e horas a fio... 

A história é deliciosa e tenho a certeza que fará as delicias de todos os amantes dos livros. E aqui não me refiro, apenas, às crianças. Antes pelo contrário. De facto este livro exalta a importância da leitura, da imaginação... enfim... espelha bem aquilo que nós, verdadeiros e ávidos leitores sentimos com a leitura. 

Quero e vou ler este livro a todas as crianças que se aproximam à minha estante. Gosto de o fazer, gosto de ler livros às crianças que me rodeiam, e vou fazê-lo. 

Aconselho este livro a todos os amantes de livros: esta obra precisa de estar nas vossas bibliotecas! Aconselho-o a todos os pais e aos professores que têm a honra de trabalhar e ensinar os mais novos. Leiam este livro às vossas crianças... ensinem-nas a voar!


terça-feira, 3 de julho de 2018

0

[DIVULGAÇÃO]: Livros: Famílias Destrambelhadas & Pássaro que Voa


Hoje mostro-vos 2 livros absolutamente maravilhosos que chegaram cá a casa... 
Opiniões em breve :) 



Livro 1


Título: Famílias Destrambelhadas
Autor: Claudio Hochman 

Ilustrador: João Vaz de Carvalho


SINOPSE 


Existem por aí umas FAMÍLIAS realmente peculiares…


A algumas falta-lhes um bocado de sal e a outras sobra-lhes pimenta. Se acham que a vossa FAMÍLIA é um pouco destrambelhada, venham conhecer as doze retratadas neste livro.

Livro 2

Título: Pássaro que Voa
Autor: Claudio Hochman 
Ilustrador: Carlota Madeira Lopes


SINOPSE 


“Quase em segredo, disse-me que o sonho mais típico era o de voar. Os imigrantes sonham que voam. É uma maneira de poderem regressar à sua terra sempre que quiserem, sussurrou-me.”


Cinquenta depoimentos, ficções misturadas com realidade, por vezes dura.
As migrações: um dos grandes problemas atuais tratado com uma criatividade afetiva que não esquece a dureza do tema.

Gonçalo M. Tavares

segunda-feira, 2 de julho de 2018

0

#ML122dias

Resumo Geral da Maratona
#ML122dias



Resumo Maratona

Apesar de extremamente difícil, nesta maratona ainda conseguimos superar as anteriores. Estão todos de PARABÉNS! Apesar de se terem lido menos livros, leram-se mais páginas e houve mais participantes. Obrigada a todos!

Nº de participantes no grupo do Facebook: 100
Nº de participantes que fizeram resumo final: 52
Nº total de de livros lidos contabilizados: 706
Nº total de páginas lidas contabilizadas: 214 096
Fotos partilhadas no Instagram: 158


Então está na hora de anunciar os vencedores :) Em Baixo segue a lista de participantes e os resultados. Eu e a Cristina estamos extremamente felizes e orgulhosa de todos!

Parabéns a todos! Vemo-nos na próxima maratona? http://flamesmr.blogspot.com/2018/06/mlpalavrasdeverao.html



Peço agora às vencedoras as vossas moradas. 
PARABÉNS A TODOS!!!!
0

ENTRETENIMENTO / EVENTOS / ESPECTÁCULOS: Novo CD/DVD dos Moonspell: "Lisboa Under the Spell" | 17 AGO


MOONSPELL APRESENTAM:
LISBOA UNDER THE SPELL

NOVO CD/DVD OFICIAL DO CONCERTO NO CAMPO PEQUENO


PRÉ-VENDA EM 

Dez anos após o lançamento do primeiro DVD dos Moonspell (Lusitanian Metal, 2008), a banda volta a editar um espetáculo ao vivo neste formato. O concerto de 4 de fevereiro de 2017 que encheu o Campo Pequeno em Lisboa será agora revivido em DVD, a ser lançado a 17 de agosto.

Esta edição única e limitada contém 1 DVD, 1 Blu-ray e 3 CD’s ao vivo.

O conteúdo conta com mais de 3 horas de espetáculo, gravado ao vivo perante milhares de fãs numa das mais emblemáticas salas da capital portuguesa. A banda tocou um set especial, interpretando na integra os seus discos clássicos (Wolfheart e Irreligious) e o disco de 2015, número 1 de vendas em Portugal, "Extinct".

"Lisboa Under the Spell" contém ainda um documentário realizado por Victor Castro(Moonspell, Black Mamba, Richie Campbell) que assina também a direção do DVD, sobre as semanas que antecederam a subida ao palco, num olhar aos afetos e cumplicidade que rege esta banda lendária.

Destaque para a edição em triplo LP, inédita em Portugal, do concerto ao vivo que conta com participações especiais como a da cantora Mariangela DeMurtas e Carolina Torres.

DATAS DE ESPETÁCULOS:

Digressão de verão:
15/6: PT- VALONGO, Fábrica das Lousas, Conta-me Histórias
29/6: GRE- CRETE, Chania Rock Fest
5/7: PT- PORTEL, Semana da Juventude
13/7: GER, Dong Open Air
14/7: PT-RÉGUA, Concentração Motard do Douro
27/7: PT- GERÊS, Gerês Rock’ Fest
3/8: CZE- OSTRAVA. Ostrava v Plamenech
4/8: GER- Gossnitz Open Air
10/8:PT- Vagos Open Air
1/9: PT, Faro- Festival F

Depois da digressão de verão, em que os Moonspell estão a apresentar o seu mais recente disco "1755", a banda parte para uma intensa digressão internacional durante dois meses pelos EUA e Canadá:

07.09.18 US - New York, NY / Gramercy Theater
08.09.18 CA - Montreal / Cafe Campus
09.09.18 CA - Quebec City / Imperial de Quebec
10.09.18 CA - Toronto / Opera House
11.09.18 US - Ft Wayne, IN / Pierre's
12.09.18 US - Detroit, MI / Harpo's
13.09.18 US - Joliet, Il / The Forge
14.09.18 US - Minneapolis, MN / The Cabooze
15.09.18 CA - Winnipeg / Park Theatre
17.09.18 CA - Edmonton / The Starlite Room
18.09.18 CA - Calgary / Dickens
19.09.18 CA - Vancouver / Rickshaw Theater
20.09.18 US - Seattle, WA / El Corazon
22.09.18 US - Berkeley, CA / The UC Theatre
23.09.18 US - Anaheim, CA / City National Grove
24.09.18 US - West Hollywood, CA / Whiskey a Go Go
25.09.18 US - San Diego, CA / Brick By Brick
26.09.18 US - Tempe, AZ / Marquee Theatre
27.09.18 US - Las Vegas, NV / House of Blues
28.09.18 US - Salt Lake City, UT / Liquid joe's
29.09.18 US - Denver, CO / Herman's Hideaway
01.10.18 US - Dallas, TX / Trees
02.10.18 US - San Antonio, TX / Rock Box
03.10.18 US - Houston, TX / Scout Bar
05.10.18 US - Tampa, FL / Orpheum
06.10.18 US - West Palm Beach, FL / Kelsey Theater
07.10.18 US - Atlanta, GA / The Masquerade
09.10.18 US - Louisville, KY / Diamond Pub and Billiards
10.10.18 US - Durham, NC / Motorco
11.10.18 US - Baltimore, MD / Soundstage
12.10.18 US - Philadelphia, PA / The Trocadero
14.10.18 US - Clifton Park, NY / Upstate Concert Hall

domingo, 1 de julho de 2018

0

[DIVULGAÇÃO]: Livros: O desaparecimento de Stephanie Mailer & O céu é nosso



Título: O desaparecimento de Stephanie Mailer
Autor: Joël Dicker
Chancela: ALFAGUARA
Data de publicação: 07/2018

SINOPSE

Na noite de 30 de Julho de 1994, a pacata vila de Orphea, na costa leste dos Estados Unidos, assiste ao grande espectáculo de abertura do festival de teatro. Mas o presidente da Câmara está atrasado para a cerimónia# Ao mesmo tempo, Samuel Paladin percorre as ruas desertas da vila à procura da mulher, que saiu para correr e não voltou. Só pára quando encontra o seu corpo em frente à casa do presidente da Câmara. Dentro da casa, toda a família do presidente está morta.

A investigação é entregue a Jesse Rosenberg e Derek Scott, dois jovens polícias do estado de Nova Iorque. Ambiciosos e tenazes, conseguem cercar o assassino e são condecorados por isso. Vinte anos mais tarde, na cerimónia de despedida de Rosenberg da Polícia, a jornalista Stephanie Mailer confronta-o com uma revelação inesperada: o assassino não é quem eles pensavam, e a jornalista reclama ter informações-chave para encontrar o verdadeiro culpado.

Dias depois, Stephanie desaparece.

Assim começa este thriller colossal, de ritmo vertiginoso, entrelaçando tramas, personagens, surpresas e volte-faces, sacudindo o leitor e impelindo-o, sem possibilidade de parar, até ao inesperado e inesquecível desenlace.

O que aconteceu a Stephanie Mailer?

E o que aconteceu realmente no Verão de 1994?

Mal posso esperar para ler este livro. Joël Dicker escreveu um dos meus livros favoritos da vida. Já obriguei imensa gente a lê-lo, e nunca ninguém se arrependeu :p 

Título: O céu é nosso
Autor: Luke Allnutt
Chancela: SUMA DE LETRAS
Data de publicação: 07/2018

SINOPSE

Rob Coates não acredita na sua sorte. Tem Anna, a sua incrível mulher e, o mais precioso de tudo, Jack, o filho, que faz de todos os dias uma aventura extraordinária. Rob sente que ganhou a lotaria da vida. Até o dia em que tudo muda, quando Anna se apercebe de que há algo errado com Jack.

É então que o mundo de Rob começa a desmoronar-se. De repente, encontra-se sozinho, procura consolo em fotografar os arranha-céus e os penhascos que ele e Jack costumavam visitar. E quando parece que toda a esperança está perdida, Rob embarca na mais inesquecível das jornadas para encontrar o caminho de volta à vida e ao perdão.

O Céu É Nosso é um romance terno e comovente sobre o amor. A estreia literária de Luke Allnutt é um estímulo e um convite à reflexão, que nos mostra, através do despertar do protagonista, que, quando tudo está perdido, o que resta é o amor.

sexta-feira, 29 de junho de 2018

0

[DIVULGAÇÃO]: Livro: A Montanha de Livros Mais Alta do Mundo



A Montanha de Livros Mais Alta do Mundo
por Rocio Bonilla (Autor)

Editora: Jacarandá
Data 1ª Edição: 07/06/2018
ISBN: 978-989-88-9519-6
Nº de Páginas: 48
Dimensões: 222x299mm

SINOPSE

Lucas estava convencido de que nascera para voar. Olhava para os aviões, tentava inventar asas de todos os tipos, e até pediu para aprender a voar como presente de Natal! Mas nada funcionava…

Um dia, a sua mãe explicou-lhe que havia outras maneiras de realizar o seu sonho e pousou-lhe um livro nas mãos. Nesse mesmo dia, sem perceber, Lucas começou a voar… 

A Montanha de Livros Mais Alta do Mundo é um livro para despertar a imaginação em leitores de qualquer idade, com as ilustrações inconfundíveis de Rocio Bonilla, autora do bestseller De que cor é um beijinho?

Opinião em breve...

quarta-feira, 27 de junho de 2018

0

Entretenimento: Birds Are Indie


Birds Are Indie lançam "Messing with your mind" 

BirdsAreIndie by FranciscaMoreira

Com o 2º single de "Local Affairs", os BIRDS ARE INDIE querem continuar a fazer abanar as ancas. "Messing with your mind" é o nome da faixa e tem um vídeo a condizer. Editado pela própria banda, o clip tem como personagens um conjunto de bailarinos muito peculiares, aos quais se juntam diversos elementos gráficos, quase hipnóticos. A música, onde a distorção se sobrepõe à sonoridade pop característica da banda, conta com a participação de Jorri (a Jigsaw / The Parkinsons) no baixo.

Depois de já terem apresentado o seu novo disco em Évora, Lisboa, Cem Soldos, Aveiro, Porto e Ílhavo, nos próximos meses a digressão continuará por Portugal e Espanha. 

Esta é a lista completa das datas que já se podem anunciar, outras mais serão divulgadas, a seu tempo...

08 Setembro // RONFE // Salão Paroquial - ExcentriCidade

19 Outubro // SETÚBAL // Casa da Cultura

14 Dezembro // FIGUEIRA DA FOZ // Centro de Artes e Espectáculos

Os BIRDS ARE INDIE surgiram lá atrás, em 2010, quando Joana Corker e Ricardo Jerónimo – um par já muito enamorado na altura e que tão bem enamorado continua(rá) – decidiram que era tempo de juntar três acordes e fazer uma música. Mas como só dois era pouco e afinal foram três acordes que os fizeram nascer, aos dois Birds juntou-se um amigo de longa data, Henrique Toscano. Estava montado o trio de afinados “pássaros” para definir um plano: serem uma banda. Ora e se três pontos definem um plano, três amigos mais três acordes, definem um distinto plano.

Se provas forem precisas para atestar que a geometria apresentada está correcta, no palmarés do trio contam-se já vários EP’s e três álbuns auto-editados: “How music fits our silence” (2012), “Love is not enough” (2014) e “Let’s pretend the world has stopped” (2016).

Com "Local Affairs" chegam ao seu 4º longa-duração, juntando-se agora à família da Lux Records, histórica editora de Coimbra, cuja actividade tem fervilhado nos últimos anos, com edições de The Twist Connection, Ghost Hunt, d3ö, Raquel Ralha & Pedro Renato, The Legendary Tigerman, Sean Riley & The Slowriders, entre muitos outros.

Em ebulição está também o estúdio conimbricense Blue House, onde o disco foi gravado, com a preciosa colaboração na produção de João "Jorri" Silva (a Jigsaw, The Parkinsons). Como este músico também se junta habitualmente ao trio, em palco, tornou-se de forma natural em convidado especial nas gravações, ao qual emprestou o seu talento nas teclas e no baixo.

Neste cenário de cumplicidade musical (e não só) que se tem sentido em Coimbra, a banda foi-se entregando a diversos “affairs” que influenciaram a construção do álbum, desde o som, a algumas letras, passando pelo “artwork”.

"Local Affairs" tem a assinatura dos Birds Are Indie: canções pop, com melodias contagiantes e descontraídas. Desta vez, com arranjos mais elaborados, acrescentam uma faceta algo musculada às composições, onde se sente a pulsão do baixo e o impulso da bateria, que convidam a abanar a anca e a bater o pé. 

domingo, 24 de junho de 2018

0

#ML122dias - A minha participação - Roberta



Maratona Literária dos 122 dias - #ML122dias

O FLAMES em parceria com o LinkedBooks criou a Maratona Literária (ML) dos 122 dias! 
Iremos estar a cada livro e a cada dia mais perto do Verão, mas até lá... há muito para ler!

A ML decorre de 10 Fevereiro a 10 Junho, e estes são os desafios para os maratonistas literários superarem. Todos os desafios foram inspirados em datas comemorativas dos 122 dias! Vamos a isso?

Para se inscrever basta pedir para aderir a este grupo , e fica automaticamente inscrito - https://www.facebook.com/groups/ML122dias/


DESAFIOS GERAIS

1 – Carnaval – Ler um livro de um autor brasileiro.
2 – Dia do Amor/Dia dos Namorados – Ler um Romance.

(Pág. 200 - não terminado)

3 – Ano Novo Chinês – Ler um livro de um autor chinês ou cuja história se desenrole na China.
4 – Dia Europeu da Vítima de Crime – Ler um Policial.
5 – Dia Internacional da Vida Selvagem – Ler um livro com um animal (não doméstico) na capa.
6 – Dia Internacional da Mulher – Ler um livro escrito por uma mulher.

(Pág. 246)

7 – Dia Branco – Ler um livro de capa maioritariamente branca.
8 – Dia do Pai – Ler um livro escrito por um autor masculino.

(Pág. 448)

9 – Dia Internacional do Livro Infantil/Dia Mundial da Criança – Ler um livro infantil, ou uma banda desenhada, ou mangá, ou edição ilustrada ou graphic novel.
(Pág. 32)

10 – Dia Internacional da Felicidade – Ler um livro de humor (cómico ou divertido).
11 – Dia Mundial da Poesia – Ler um livro de poesia.
12 – Dia do Livro Português/Dia do Autor Português – Ler um livro de um autor/autora português.

(Pág. 148)

13 – Dia Mundial do Teatro – Ler um Livro de Teatro.

(Pág. 368)

14 – Dia das Mentiras – Ler um livro de Ficção Científica.
15 – Dia da Liberdade: 25 de Abril – Ler um livro português publicado na década de 70.
16 – Dia do Trabalhador – Ler um livro cujo protagonista tenha uma profissão que admires ou que gostaria de ter.
17 – Dia do Sol – Ler um livro que te faça lembrar o Verão.
18 – Dia da Europa – Ler um livro escrito por um autor europeu.

(Pág. 89)

19 – Dia do Duende – Ler um livro de Fantasia.
20 – Dia dos Irmãos – Ler um livro dividido em dois ou mais volumes (nota: para contar este desafio deves ler todos os volumes dessa obra).

DESAFIOS EXTRAS

(A cada desafio acresce 25 páginas)

1 – Carnaval – Tirar uma foto mascarada ou com mascarados e o livro que estão a ler no momento.
2 – Páscoa – Tirar uma foto do livro que estão a ler, rodeado de chocolates.
3 – Dia Mundial do Livro – Procurar nos blogues literários um post sobre um livro que tenha lido e comentar esse post com a sua opinião sobre o livro.
4 – A REVELAR ...
5 – A REVELAR ...

REGRAS
Tirando os desafios em que isso é explicito (9), SÓ se pode ler mais uma grafic novel, mangá ou bandas desenhada. A "leitura" de AudioBooks está também limitada a UM AudioBook, que pode ser em qualquer um dos desafios.

Cada livro conta apenas para UM desafio (ou seja, o mesmo livro não pode ser contabilizado para 2 desafios diferentes).

Terminada a maratona a pessoa tem 7 dias para fazer o update e publicar ou enviar-nos a informação para se poder habilitar a ganhar um dos prémios.

A pessoa, quando terminar todos os desafios, pode recomeçar a maratona.

Quem conseguir fazer todos os desafios ganha 100 páginas extra.

Para efectuar a contagem de páginas vale o número de páginas numeradas da edição do livro que efectivamente leram.
Em caso de dúvida deverá consultar os dados associados ao ISBN do seu livro ou ao ASIN do audiobooks. Ebooks vale as páginas da edição ebook que leram (verifique ISBN em caso de dúvida)

Qualquer questão sobre a contagem de livros que surja, é só perguntar, que serão esclarecidos caso a caso.



VAMOS LÁ 


PRÉMIOS:



Total: 1531

quinta-feira, 21 de junho de 2018

0

[DIVULGAÇÃO]: Livro: Como Desenhar O Corpo Humano



Como alguns de vocês sabem, sou louca por livros de contos, especialmente de autores português, porque é uma forma "rápida" de termos acesso à escrita de alguns autores. Permite-nos conhecer melhor a sua forma de escrever, e assim podermos perceber se estamos interessados em conhecer melhor (ou não) as suas obras. Por isso tenho uma vasta colecção de livros de contos. Quando este livro chegou cá a casa não consegui conter a minha alegria. Até porque nele se encerram histórias de alguns dos autores portugueses mais talentosos dos nossos dias. Mal posso esperar para mergulhar nas suas páginas! 

Título: Como Desenhar O Corpo Humano
ISBN: 9789896656188
Edição ou reimpressão: 06-2018
Editor: Companhia das Letras
Idioma: Português
Dimensões: 145 x 228 x 33 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 432

SINOPSE

Em vinte e um anos, a cena literária portuguesa renovou-se com uma geração de incríveis novos autores que trouxeram consigo um novo fôlego de qualidade e criatividade, uma promessa de algo nunca feito, tanto na prosa como na poesia. 

Em vinte e um anos, jovens promessas fizeram-se escritores. João Tordo, José Luís Peixoto, Margarida Vale de Gato, Valério Romão, Bruno Vieira Amaral, Ondjaki, Rui Costa são apenas alguns dos nomes distinguidos pelo prémio Jovens Criadores, e que hoje comemoramos com a publicação desta colectânea de prosa e poesia.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

0

[OPINIÃO] Livro: Intervenção psicológica com Jovens Agressores






Título: INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA COM JOVENS AGRESSORES
Autores: Daniel Rijo | Nélio Brazão | Diana Silva | Paula Vagos
Edição: 2017
ISBN: 978-989-693-072-1
Editora: PACTOR 
Páginas: 208


Sinopse

Os jovens com problemas de comportamento representam um dos grupos mais desafiantes para intervenção em psicoterapia. Habitualmente, demonstram grande resistência ao tratamento e negam ou minimizam os seus problemas. No entanto, a patologia do comportamento tende a associar-se a défices ao nível do sucesso académico, ao consumo de substâncias psicoativas e ao envolvimento em comportamentos de risco, podendo conduzir ao primeiro contacto destes jovens com o sistema de justiça. Trata-se, portanto, de um grupo de indivíduos com elevadas necessidades de intervenção.
A investigação científica tem mostrado que as intervenções cognitivo-comportamentais possuem eficácia demonstrada na reabilitação de jovens com patologia do comportamento, incluindo jovens agressores em contacto com a justiça. 
Este livro, resultante da experiência dos autores na investigação, ensino e intervenção com jovens agressores, foi pensado para auxiliar os psicólogos que avaliam e intervêm nesta população, tanto num setting de intervenção individual como em contexto de grupo. Tendo em conta os fatores de manutenção desta problemática, são também apresentadas estratégias de intervenção adequadas ao trabalho com pais e professores. 

Conteúdos abordados:
- Avaliação psicológica de jovens agressores
- Modelos cognitivo-comportamentais do comportamento antissocial
- Entrevista motivacional com jovens agressores
- Estratégias comportamentais, cognitivas e relacionais
- Programas de intervenção em grupo
- Intervenções em contexto escolar

Opinião 
(Roberta)

Hoje trago-vos um livro diferente, mas não por isso menos importante. 
Há livros que quando saem, uma pessoa ainda não os tocou sequer, e já sabe que são livros que vão fazer toda a diferença. É o caso deste livro. E porque digo eu isto? Porque este livro, considerando a temática, o conjunto de autores que o integram e a editora que está por trás, encerra em si mesmo já um selo de qualidade. 

Em Portugal temos um grande problema e nível dos livros na área da psicologia: são escassos, muitas vezes traduzidos apenas para português do Brasil, e não são práticos. São teóricos, maçudos, e quando os lemos parece que não aprendemos nada de novo. Por isso mesmo, obras deste calibre revestem-se de importância, e dificilmente neste post consguirei exprimir a felicidade e o orgulho que tenho em vez nascer, em Portugal, um livro destes. 

Demorei a falar-vos dele aqui no blogue (apesar de o ter mostrado nas nossas várias redes sociais e de já o ter recomendado algumas vezes) porque é um livro que necessitava que eu lhe desse uma especial atenção, não só pela temática (que acho extremamente interessante) mas especialmente pelos autores. Não é fácil falar num livro que foi escrito por um dos professores que mais me inspirou quando estava na faculdade. No entanto, vou dar o meu melhor. 

De facto o livro foi escrito por Daniel Rijo, um dos melhores professores que tive na vida. O prefácio foi redigido por José Pinto Gouveia, outro professor que me influenciou muito. Portanto, honestamente, estas são já boas razões para darem uma vista de olhos a este manual.  O resto só podiam ser coisas a somar. 

Mas antes de falar sobre o livro propriamente dito, uma palavra apenas de agradecimento à editora, que apostou numa colecção deste género. De facto, este livro integra a Colecção Intervenção em Psicologia. Portugal já precisava de uma aposta destas. 

Mais informações sobre a colecção aqui - https://www.pactor.pt/pt/coleccoes/intervencao-em-psicologia/

Coisas que vão encontrar neste manual: 
- Rigor científico 
- Escrita de qualidade 
- Questões práticas essenciais para qualquer profissional que tenha de lidar com jovens agressores
- Informação baseada na evidência com o modelo cognitivo-comportamental a abarcar todo o livro

Gostava de, enquanto estudante, ter tido a oportunidade de ler este manual. Mas como o conhecimento nunca se esgota, como estamos sempre a aprender e a necessitar de actualizar os nossos conhecimentos, acredito que esta leitura será importante para os profissionais da área e não apenas para quem está agora a trilhar o caminho da psicologia. Aliás, a constante actualização profissionais é um dos pilares do código da Ordem dos Psicólogos. 

Portanto, o livro está dividido em vários capítulos, e apesar de o primeiro ser sobre o modelo cognitivo-comportametntal, a verdade é que este modelo é a base de todo o manual. 

São assim abordadas as crenças que estão na "base" dos comportamentos anti-sociais dos mais novos, bem como os processos disfuncionais que ajudam a perpetuar os mesmos. Foi muito bom reler sobre isto. A questão da avaliação é abordada num capítulo à parte e aborda de forma pormenorizada quer as entrevistas quer as escalas que permitem uma avaliação mais quantitativa e mais voltada para as questões da investigação. A revisão feita está rigorosa e permite que o leitor depois possa aprofundar mais e ir pesquisar a informação indispensável ao uso de cada um destes instrumentos de avaliação. De facto os autores dão-nos as referencias todas necessárias para que o profissional possa fazer um trabalho de qualidade. 

Um dos meus capítulos preferidos foi o que dizia respeito ao modelo transteórico de mudança, isto porque os autores não só apresentam o modelo de forma sintética, compreensível e rigorosa, como depois se centram em cada um dos estádios de mudança, exemplificando cada um com "técnicas" que o terapeuta pode usar com o jovem durante a entrevista motivacional (e considerando a fase onde ele se encontra), tornando-se assim num livro não só informativo, como um manual de cariz prático. 

Enfim, num só livro vão encontrar vários tipos de intervenções (comportamentais, cognitivas, motivacionais, interpessoais) de cariz individual ou grupal, com exemplos bem escolhidos e práticos e que de certo ajudarão a tornar, os nossos jovens, em pessoas mais felizes, e os nossos profissionais, pessoas mais informadas e competentes. 

terça-feira, 19 de junho de 2018

0

#MLPalavrasdeVerão



O FLAMES em parceria com o LinkedBooks, e com a preciosa ajuda dos maratonistas da #ML122dias que nos sugeriram frases sobre o Verão, criou a Maratona #MLPalavrasdeVerão. 

Para se inscrever basta pedir para aderir a este grupo , e fica automaticamente inscrito - https://www.facebook.com/groups/MLPalavrasdeVerao/

***DESAFIOS***

1 ÁGUA - Ler um livro que tenha elementos de água na capa.

2 AMIGOS/FAMÍLIA - Ler um livro emprestado ou recomendado por um amigo ou por um familiar.

3 ANIVERSÁRIOS/FESTAS/BAILARICOS - Ler um livro que te foi oferecido ou que gostarias que te tivessem oferecido.

4 AVENTURAS/COMBOIO/ PASSEIOS - Ler um livro de um género literário que nunca leste ou que raramente lês.

5 AZUL - Ler um livro cuja capa seja maioritariamente azul.

6 CAIPIRINHA - Ler um livro de um autor brasileiro ou cuja acção decorra no Brasil.

7 CALOR - Ler um romance, uma história de amor, ou um livro erótico.

8 CAMPO/RIOS/SERRAS - Ler um livro cuja acção decorra maioritariamente na natureza, ou cuja capa tenha elementos de natureza.

9 CHURRASCO/GRELHADOS/CONVÍVIOS/ESPLANADAS - Ler um livro cuja capa ou título tenha coisas de comer ou de beber.

10 COR - Ler um livro com tema LGBT.

11 DESCANSO - Ler um livro que já andes para ler há muito tempo.

12 DIVERSÃO - Ler um livro do teu género preferido.

13 FÉRIAS - Ler um livro com menos de 100 páginas.

14 GARGALHADAS/BOA DISPOSIÇÃO - Ler um livro de humor, cómico ou divertido.

15 LIVROS/LER - Ler um livro de um dos teus autores favoritos.

16 MAR/PESCADORES/PASSEIOS DE BARCO - Ler um livro cuja capa tenha um qualquer animal aquático.

17 NOITADAS/NOITES NA RUA - Ler um livro "de vampiros", de terror, um livro "negro" ou um livro cuja capa seja maioritariamente preta.

18 PAZ - Ler um livro com a palavra Paz no título, ou cujo título tenha letras com as quais se pode formar a palavra "Paz".

19 SANGRIA - Ler um livro de um autor espanhol ou cuja ação se desenrole em Espanha.

20 SOL - Ler um livro cuja capa seja maioritariamente amarela, com “Sol” no título, ou cujo título tenha letras com as quais se pode formar a palavra "Sol"

21 VIAGENS/REGRESSO AO PAÍS DE ORIGEM - Ler um livro passado num país que já visitaste, que gostarias de visitar, ou passado no teu país natal.

DESAFIOS EXTRA
(A cada desafio acresce 25 páginas)

As fotos deverão ser partilhadas ou no instagram, ou no facebook com a hastag #MLPalavrasdeVerão

PRAIA/PISCINA
Tirar uma foto na praia ou na piscina com o livro que estão a ler no momento

ALEGRIA/SORRISOS/FELICIDADE
Tirar uma foto que mostre como os livros te fazem sentir feliz!

PIQUENIQUES
Tirar uma foto do teu livro a fazer um piquenique 🙂 
Elementos obrigatórios da foto: uma toalha de piquenique e o teu livro do momento.

AR LIVRE/CÉU AZUL
Troca um livro numa cabine de leitura, requisita um livro numa biblioteca ao ar livre ou compra um livro numa feira de rua/banca ou quiosque. Valem outras modalidades desde que consigas obter um livro na rua e que tires foto para comprovar esse feito

GELADOS
Foto com o teu gelado preferido (ou um dos...) e o livro do momento

REGRAS

A Maratona "Palavras de Verão" terá início no dia 22 de Junho e terminará no dia 22 de Setembro.

Só se pode ler 1 (UMA) graphic novel, mangá ou banda desenhada.

A "leitura" de AudioBooks está também limitada a 1 (UM) AudioBook.

Cada livro conta apenas para 1 (UM) desafio (ou seja, o mesmo livro não pode ser contabilizado para 2 desafios diferentes).

Terminada a maratona, o participante terá até ao dia 30 de Setembro para fazer o update e publicar ou enviar-nos a informação (este ficheiro preenchido) para se poder habilitar a ganhar um dos prémios.

Atenção: nesta maratona haverá apenas UMA volta. A pessoa, quando terminar todos os desafios, NÃO pode recomeçar a maratona, MAS poderá substituir as leituras realizadas. Por exemplo, se já tiver completado uma categoria com um livro de 100 páginas, pode voltar a cumprir o desafio com outro livro de número superior de páginas (Só o livro com maior número de páginas irá contar).

Quem conseguir fazer todos os desafios (gerais e extras) ganha um bónus de 250 páginas lidas.

Para efectuar a contagem de páginas vale o número de páginas numeradas da edição do livro que efectivamente leram.

Em caso de dúvida consulta os dados associados ao ISBN do livro ou ao ASIN do audiobooks. Ebooks vale as páginas da edição ebook que leram (verificar ISBN em caso de dúvida).

sexta-feira, 15 de junho de 2018

0

[Divulgação]: Livro: Espero por Ti na Próxima Tempestade (Yves Robert)




Título: Espero por Ti na Próxima Tempestade
Autor: Yves Robert
ISBN: 9789897770760
Edição ou reimpressão: 05-2018
Editor: Editorial Planeta
Idioma: Português
Páginas: 232

SINOPSE

Rafael tem 11 anos e fica cego ao ser atingido por um relâmpago.

Isto acontece no exacto momento em que vai beijar Clarisse, a miúda mais bonita da escola. 
Na idade adulta, descobre que Clarisse morreu com o mesmo relâmpago que o cegou. 
Quem é então a mulher que cresceu com ele e diz ser Clarisse? 
Desvairado, foge de casa e começa a perseguir tempestades, pois acredita que o seu verdadeiro amor tem agora a forma de um relâmpago e só ele pode curá-la da sua cegueira.
Uma história de amor com um toque de realismo mágico.
Um livro a ler com o coração.
0

276º Passatempo do FLAMES (em parceria com a Castor de Papel)



SINOPSE

Autora revelação, o seu primeiro romance Méme dans les orties tornou-se rapidamente num best-seller em França e Inglaterra, publicado agora pela 4 Estações em Portugal com o título Viver na Flauta.

Um romance repleto de vida que vai fazê-lo sorrir do princípio ao fim. Ferdinand Brun é um homem estranho. Não tira prazer de estar vivo, e permanece obstinadamente aborrecido. Ele passa o tempo a planear as partidas mais malvadas para aborrecer as pessoas que o rodeiam. Mas um dia as coisas mudam e a sua única amiga, Daisy, a cadela, desaparece. 

A vida de Ferdinand desmorona. Quando Juliete, de 10 anos e Béatrice, a mais moderna das avós, entram no seu mundo, Ferdinand dá por si a ter de aceitar todas as mudanças radicais...

Vencedor: JACINTA NABAIS

quarta-feira, 13 de junho de 2018

0

Sunshine Blogger AWARD :)


Fui nomeada para este award :) Aqui fica o posthttps://odiadaliberdade.blog/2018/04/19/sunshine-blogger-award/ Muito obrigada pela nomeação. 

Sunshine Blogger Award – As regras

Regras do Sunshine Blogger Award:
Agradecer ao blogger que te nomeou;
Responder às 11 perguntas que te foram dadas;
Nomear 11 bloggers e fazer-lhes 11 perguntas;
Colocar as regras e incluir o logo do prémio no post.

Aqui estão as perguntas que me foram deixadas:

1- Quantos blogs já tiveste?
3. O FLAMES foi o último que criei. O primeiro foi o "En"croixyable que é um blog com alguns trabalhos manuais que fui fazendo. É um blog mais pessoal. E tinha um mais de reflexão chamado soxelfer-reflexos.

2- Para além de seres blogger, qual é a ocupação predominante?
Sou investigadora no Instituto Politécnico de Leiria. 

3- Qual é o teu mês do ano preferido e porquê?
Tenho 2: Agosto pelo calor e o Verão, e Setembro porque é o meu mês. 

4- Sobremesa ou fruta?
Idealmente, sobremesa, mas adoro fruta. 

5- Qual o teu destino de férias ideal?
Desde que tenha praia, está tudo bem :) 

6- Se pudesses pedir um desejo ao génio da lâmpada, qual seria?
Que me desse a oportunidade de ficar invisível quando quisesse!

7- Com ou sem maquilhagem?
Eu? Uso pouca maquilhagem, mas uso 

8- Quem é o teu/ tua herói/heroína preferido/a?
Tenho vários, mas continuo a adorar o Daniel Sempere do "A sombra do vento". 

9- Qual é a tua cidade portuguesa preferida?
Porto 

10- Vinho ou água?
Gosto de um bom vinho tinto alentejano, e detesto beber água 

11- O que não te pode faltar para dormires descansada?
Ler, nem que seja uma frase de um livro, mas tenho de ler antes de dormir. 

Aqui ficam os 11 blogs nomeados:
1 - https://thefondreader.wordpress.com
2 - https://atocadonunca.wordpress.com
3 - https://olivropensamento.blogs.sapo.pt
4 - https://livrosdevidro.wixsite.com/livrosdevidro
5 - https://sabine77.wordpress.com
6 - http://nasamarra.blogspot.com
7 - https://marianafloresilustra.wordpress.com
8 - https://asoberanadanoite.tumblr.com 
9 - https://www.youtube.com/channel/UCDQGYLDqRmRFU8uP88Zpc7w 
10 - https://estrelasnocolo.wordpress.com
11 - http://linkedbooks.blogspot.com

E agora as minhas perguntas…

1. Porque decidiste criar o teu blog?
2. Que blogs gostas de seguir?
3. Se tivesses de recomendar um livro a alguém, qual seria?
4. E um autor?
5. Que autor gostarias de ressuscitar e pedir para escrever mais um livro?
6. Se escrevesses um livro, de que género seria?
7. Quem é o teu escritor preferido?
8. Se pudesses adaptar para o cinema um livro, qual seria?
9. Que livro tens mais vergonha de ter lido?
10. Que livro te arrependes de ter lido?
11. Que livro tens na estante há imenso tempo, e que tens andado a adiar a leitura?

Obrigada a todas e espero que gostem das vossas perguntas!

terça-feira, 12 de junho de 2018

0

Eventos: 88º Feira do Livro de Lisboa


Este ano aconteceu a 88ª Feira do Livro de Lisboa. É um evento onde gosto muito de ir, e este ano foi ainda mais especial. Consegui encaixar a minha ida à feira com um fim de semana em família que acabou por se tornar maravilhoso. 

Talvez por isso me distraí um pouco e entre livros, conversas, risadas e boa disposição, acabei por me esquecer de fotografar muitos autores. Ficam as recordações dos bons momentos, e algumas fotos que partilho. Espero que gostem. 

Aqui temos o autor Paulo Freixinho numa actividade de palavras cruzadas. O autor foi dinamizando algumas destas sessões no stand da Babel Editora. 


Estava muito expectante em encontrar o Joel Neto, não só porque adoro a sua escrita e as suas obras, mas para lhe agradecer pelo novo trabalho, Meridiano 28.. Como sempre a minha timidez e falta de competências sociais não me permitiram transmitir, como gostaria, a felicidade e a honra que o Joel me foi concedendo ao longo destes anos em que temos trocado algumas impressões. 


E eis que, do nada, surge a Andreia (miss margot) lembram-se dos vídeos mega engraçados dela? Foi muito bom ter a sua companhia durante a feira!


Na secção da Leya, distraí-me à conversa com o João de Melo (que nem foto tirei) mas ainda consegui fotografar alguns. 

João Pinto Coelho 

Rodrigo Guedes de Carvalho


Mário Cláudio com a maravilhosa Lídia Jorge

E não podia faltar uma palavrinha ao Afonso Cruz


1%

1%