Envie esta página a um amigo!

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

9

Livro: Visto do Céu



Autora: Alice Sebold
Ano: 2002

Este belíssimo romance trata da vida e da morte, da vingança e do perdão, do esquecimento e da lembrança.
Traduzido em mais de duas dezenas de linguas, Visto do céu é o primeiro romance da autora Alice Sebold.

Susie, a narradora de toda a história, é uma adolescente que se encontra morta assim que o romance inicia. Do céu, Susie decide contar-nos o que aconteceu aquando da sua morte. Conta-nos a violação que sofreu do seu vizinho e a morte perpetuada pelo mesmo. Na tentativa de proteger quem ama, Susie tenta, de lá do cimo, alterar os acontecimentos que estão prestes a acontecer... Apesar de se tratar de uma morte brusca, a linguagem do livro é bastante leve poupando o leitor de falsos sentimentalismos.

O The New York Times Magazine referiu-se à obra como «Uma história de esperança incrustada numa realidade cinzenta.»

The Bookseller afirmou que este livro se trata de uma «Leitura extraordinária e compulsiva, um trabalho impressionante.»

Não podía estar mais de acordo!

O livro encontra-se já adaptado para o cinema com o mesmo título. Ainda não o vi mas, de qualquer forma, aconselho sempre, primeiro, a leitura da obra.

Curiosidade - Parece que a autora se baseou na própria experiência pessoal para escrever o livro (uma vez que foi vítima de violência e violação).


The Lovely Bones - www.wook.pt

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

9 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. li o livro e chorei uma quantas vezes (o que nunca me tinha acontecido!) achei fenomenal +.+ também vi o filme e não tem nem metade do impacto do livro, sinceramente fiquei desiludida x:

    ResponderEliminar
  3. Não li o livro nem vi o filme mas concordo com a Joana...

    Ultimamente não vejo realizadores nenhuns decentes a levarem as obras ao cinema de uma forma genial, talvez o último grande contador de histórias da minha geração seja mesmo o Tim Burton.

    Parece pelo que li sobre o filme que a história incide sobre o Perdão...

    Bjs

    madmax

    ResponderEliminar
  4. nao acredito que esta aqui este livro!!! ADORO!!! li-o duas vezes seguidas (o que nunca me aconteceu, nem antes, nem depois) e é daqueles livros para o qual olho e sinto sempre uma magia e uma energia grandes...nem sei explicar! Gostei imenso de o ler! sem duvida, um dos livros que marcou a minha adolescencia! :)

    ResponderEliminar
  5. Mary, a estudante assustada6 de setembro de 2010 às 19:52

    A primeira vez que soube da existência deste livro foi quando o filme apareceu nos cinemas. Nunca vi nenhum dos dois, mas pelas críticas que ouvi parece que o filme deixa muito a desejar. Por isso concordo com o que o Madmax diz: cada vez é mais difícil encontrar um filme que chegue aos calcanhares do livro. Se é para fazer um mau trabalho, mais valia os realizadores estarem quietos.
    Em relação à história do livro: parece, no mínimo, original. Um dia que leia venho aqui opinar.

    Boa semana!

    ResponderEliminar
  6. Os vossos comentários são todos muito pertinentes. De facto não vimos o filme, mas já estamos com o pé atrás. Quanto ao livro, penso que se percebeu que está super aprovado e aconselhado!

    ResponderEliminar
  7. Compreendo a vossa desilusão porque várias amigas minhas também ficaram desiludidas :)
    P.S. Uma amiga minha viu o The Lovely Bones ;)

    ResponderEliminar
  8. Convenceram-me, vou ler.
    HJ

    ResponderEliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

1%

1%