Envie esta página a um amigo!

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

4

Evento: Vencedores dos Óscares 2012




Sem grandes surpresas, os vencedores da edição dos Óscares deste ano já são conhecidos.
Tal como todos esperavam, o filme "O artista" foi o grande vencedor da noite, enquanto Meryl Streep voltou a mostrar porque é considerada uma das maiores actrizes de todos os tempos.
Fiquem com a lista dos vencedores nas principais categorias: 

Melhor filme: "The artist"

Melhor actor principal: Jean Dujardin ("The artist")

Melhor actriz principal: Meryl Streep ("The iron lady")

Melhor actor secundário: Christopher Plummer ("Beginners")

Melhor actriz secundária: Octavia Spencer ("The help")

Melhor realizador: Michel Hazanavicious ("The artist")

Melhor filme de animação: "Rango"

Melhor guarda-roupa: Mark Bridges ("The artist")

Melhor banda sonora: Ludovic Bource ("The artist")

Melhor argumento original: Woody Allen ("Midnight in Paris)

Melhor argumento adaptado: Alexander Payne, Nat Faxon e Jim Rash ("The descendents") 

Concordam com os vencedores? Qual é a vossa opinião?

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

4 comentários:

  1. Não concordo com o primeiro prémio,na minha opnião,havia outros melhores,acho que esse ganhou porque é o que tem o ar mais intelectual(perdoem-me os entendidos mas é a minha modesta opnião):)

    ResponderEliminar
  2. Para mim, o "The Artist" foi uma grande surpresa, sempre achei que o "Hugo" iria ganhar quase todos os prémios nos quais obteve nomeação, e o Martin Scorsese também, bastava olhar para a cara dele durante a cerimónia. Mas ainda bem que não foi. Acho que nos prémios técnicos o "Hugo" foi bem premiado, e aí sim, já era previsível ele ser o "rei". Fiquei bastante feliz por terem premiado o "The Artist". Foi bom ver que ninguém se esqueceu dos princípios do Cinema, quando o Som era transmitido aos espectadores através da imagem. O filme é uma criação estupenda, e merece todo o respeito, principalmente pela coragem de quem o fez. Contudo,acho que se esqueceram do senhor Spielberg. Não falo no "Cavalo de Guerra", mas sim no "As aventuras de Tintin", que merecia, claramente, no mínimo uma nomeação para Melhor Filme de Animação. Não sei se foi a nova lei de voto ou outra coisa qualquer, mas que merecia merecia porque é brilhante, no meu entender.
    Peço desculpa pelo ENORME comentário.
    Um beijinho e continuação de bom trabalho para as duas :)

    ResponderEliminar
  3. Não podia concordar mais com o infinite, especialmente no que toca ao Tintin! Como é possível que se tenham esquecido dele e que, em contra partida, tenha ganho o Rango???? Enfim! Que desilusão. De resto, parece-me tudo muito bem!! :)

    Roberta

    ResponderEliminar
  4. Sinceramente, a maior parte das pessoas nunca viu e, provavelmente, nunca verá o filme "The artist". Não é fácil, nos dias de hoje, "aguentar" um filme francês mudo e a preto e branco quando a oferta no mercado é tão grande e mais apetecível. É um pouco difícil dizer se a Infinite tem razão e, de facto, o objectivo foi premiar um filme corajoso e que nos relembra os bons velhos clássicos ou se a Academia quis dar numa de "percebemos muito de arte e este filme é brilhante por ser diferente de todos os outros" e o premiou, mesmo não sendo um filme brilhante.

    ResponderEliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

1%

1%