Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

3

Filme: Esquecido


 
Título Original: Oblivion
Ano: 2013
Género: Ficção Científica, Acção
Realizador: Joseph Kosinski
 


Por vezes, dou por mim a ver filmes sem saber muito bem como nem porquê decidi começar. Na maioria das vezes o resultado é frustrante, mas noutras valiosas situações sou surpreendida com uma fantástica história. É precisamente nesta segunda categoria que “Esquecido” se encontra.
 
 
 A história decorre no ano de 2077, altura em que o planeta Terra está inabitado graças a uma luta que em tempos foi travada entre os seres humanos e extraterrestres que os atacaram. Os humanos sobreviventes, vivem em Titã, uma lua do planeta Saturno. Contudo, para que a vida em Titã seja possível é necessário que se transporte a água da Terra para lá. Uma vez que as máquinas que recolhem essa mesma água são atacadas com frequência pelos extraterrestres que ainda se encontram na Terra, os humanos viram-se obrigados a criar drones para proteger essas mesmas máquinas. E é nesta parte da equação que entra Jack Harper, o corajoso protagonista que tem como árdua tarefa arriscar a sua vida para reparar os drones afectados pelo inimigo. No entanto, aos poucos Jack Harper começa a perceber que as aparências podem ser enganosas e que uma teia muito mais complexa do que imaginava pode estar por detrás daquilo que verdadeiramente aconteceu à Humanidade e ao seu planeta.
 
 
Quando se fala de um filme recente de ficção científica com Tom Cruise como protagonista torna-se uma redundância referir a qualidade dos efeitos especiais e das cenas de acção. O famoso actor é conhecido por participar em grandes produções em que se há coisa que não falta é dinheiro para investir nas melhores tecnologias e técnicas de produção. Por isso mesmo, neste aspecto “Esquecido” está muito bem conseguido e vislumbra até o espectador mais exigente.
No entanto, aquilo que me surpreendeu neste filme foram as reviravoltas da sua trama. Enquanto os primeiros minutos deixavam adivinhar mais um típico filme de ficção científica futurista, com direito a todos os clichés deste género cinematográfico, eis que a certa altura começamos a perceber que a história é bem mais inteligente, interessante e complexa do que parecia à partida e contraria todos esses clichés que tomamos como garantidos neste tipo de filmes. Assim, vi-me surpreendentemente “agarrada” a esta trama na ânsia de perceber todos os seus contornos e tentar adivinhar o seu final. A história é muito original e tem de tudo para agradar aos fãs dos filmes deste género e até a quem não esteja tão habituado a ver produções de ficção científica. Não posso é adiantar mais nada pois corro o risco de revelar as saborosas surpresas que estão reservadas para quem decidir ver "Esquecido"...
Ah! Como se tudo isto não bastasse, o meu actor preferido “de todo o sempre e mais além e além e além” Morgan Freeman participa neste filme. É preciso mais algum motivo para o verem?

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

3 comentários:

  1. Por acaso estou para o ver desde que saiu. Mas vou-me esquecendo xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vale muito a pena para quem gosta deste género. Não deixes para amanhã... ;)

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

1%

1%