Envie esta página a um amigo!

segunda-feira, 5 de maio de 2014

4

Livro: A Mulher-Casa - Cenas da Vida Íntima em Paris (Tânia Ganho)



Autora: Tânia Ganho - http://www.taniaganho.com/
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 376
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04594-2
Coleção: MARCA D'ÁGUA

Este livro foi, para mim, uma enorme surpresa. Já o tinha visto à venda, mas confesso que só o comprei quando soube que iria estar num evento onde a autora estaria presente. Assim que o comprei, não resisti e comecei logo a lê-lo. Em mim, esta obra teve um efeito magnético - assim que o comprei!

Para isso muito contribuiu a escrita da autora (coisa que lhe referi pessoalmente).
Tânia Ganho provou-me, com esta obra, que é das escritoras portuguesas mais talentosas! Há muito que não via um estilo de escrita tão bom! Por isso mesmo penso que merece todo o carinho e a atenção que tem tido dos seus leitores.

Antes de vos dar a minha opinião, e como é prática corrente aqui no FLAMES, conto-vos brevemente a história que o livro encerra.

Trata-se da história de Mara, uma modista de chapéus que mora em Aix-en-Provence e que, no início do livro, se muda para uma nova casa com o marido (Tomás) e o filho, na cidade da luz: Paris. Como acontece com muitos casais, o sucesso profissional do marido começa a fazer tremer a relação de casal pelo que Mara vê-se obrigada a ter de lutar contra os seus próprios sentimentos, sonhos, e ambições.

O que achei desta história é que é fabulosa. Nela entramos, claramente, na cabeça de Mara. Apercebi-me que, finalmente, estava em frente a uma personagem principal imperfeita e, por isso mesmo, Humana! Muitas vezes é disto que sinto falta nos livros. Mara, a personagem com quem não tive dificuldade em criar empatia, acredito que irá enervar muitos leitores. A sua imperfeição torna-a Humana e credível. É mãe, é mulher e, por vezes, é esquecida e relegada para 2º plano por isso. De certo que eu nunca me poria no lugar dela ou, se lá estivesse, ter-me-ía comportado de outra forma, mas sinto que não a posso condenar de nenhuma maneira. Entendo e quase que consigo justificar a maioria dos seus actos. Não digo que concorde, mas a verdade é que os entendo.

São IMENSAS a referências artísticas ao longo do livro! Isto torna-o numa obra muito completa. Tânia Ganho trás-nos, assim, mais do que uma simples história!

Um outro aspecto que achei extraordinário foi o facto de a autora explorar o mundo da mulher de forma feminista (sem radicalismos) e de nos ajudar a redescobrir o conceito de casa/lar, através da própria visão de Mara. A parte que menos gostei prendeu-se com a questão da sexualidade de algumas personagens que aqui está explorada.

Um livro que penso que irá agradar a imensas mulheres. Aconselho-vos a darem-lhe uma oportunidade. Parabéns à autora pelo trabalho! Nota-se empenho e talento a cada página!

(18 Janeiro 2014, uma das administradoras do blogue com a autora Tânia Ganho).

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

4 comentários:

  1. Fiquei curiosa sobre esta nova autora :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vala a pena Ana. Eu demorei algum tempo a lê-lo porque tenho tido imensa coisa a fazer, mas a minha mãe devorou-o! (Roberta)

      Eliminar
  2. Olá :)
    Convencida :) Vou adicionar à minha lista.
    Confesso que pouco sei de escritores portugueses, o tempo é pouco e, infelizmente, salvo raras exceções os seus livros não são tão divulgados como os de escritores do estrangeiro. E é uma pena. Ando a tentar corrigir esta minha falha literária na leitura portuguesa. E ainda bem que há opiniões como a tua para me ajudar :). E quem diz que me ajuda a mim, também ajudará muita gente. :)
    Boas viagens

    Rosana
    http://bloguinhasparadise.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara Rosana.. obrigada pelo comentário.
      Só há cerca de 2 anos é que comecei a ler mais escritores portugueses. Aliás, em jovem lia imensos autores portugueses, mas depois aventurei-me por outros caminhos. Ando a tentar colmatar essa falha e posso dizer que estou muito contente pois estou a descobrir autores fabulosos. A Tânia Ganho é um desses casos... assim como tantos outros de que tenho falado no blogue. Um beijinho e bom trabalho no "bloguinhas paradise" :) (Roberta)

      Eliminar

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

1%

1%